Air France-KLM mantém altos índices em setembro

87

Em Setembro de 2006, o GRUPO AIR FRANCE-KLM manteve índices altos em seu desempenho mundial: foram transportados 6,4 milhões de passageiros (alta de 4,3%). A ocupação ficou em 82,8%, enquanto a receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro teve alta de 5,9%; a oferta subiu 6,2%.

Nas Américas, a ocupação manteve-se alta, em 87,3%. Aumentos de 4,8% na receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro e de 5,9% na oferta de assentos.

Na Ásia, aumento de 1,1 ponto percentual na ocupação, que alcançou o alto índice de 90,5%. Altas fortes na receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro, 9,9%, e na oferta de assentos, 8,5%.

Na África e no Oriente Médio, a receita do tráfego aumentou em 7,5% e a oferta aumentou 8,5%. A ocupação ficou estável em 80,9%.

No Caribe e no Oceano Índico, a receita do tráfego diminuiu 2,5% e a oferta aumentou 2,1%. A ocupação baixou 3,4 pontos, fechando em 73%.

Nas rotas da Europa, aumento forte de 6,2% no tráfego, 5,2% na oferta e 0,6 ponto percentual na ocupação, que ficou em 75,1%.

Desde 14 de Setembro, a Air France oferece no Boeing 777-200 da rota São Paulo-Paris-São Paulo o seu novo conceito de conforto e sofisticação, os Novos Espaços de Viagem. São Paulo é uma das poucas cidades no mundo a contar com o serviço da Primeira Classe da Air France e agora ela está totalmente adaptada, com 50% a mais de espaço para o passageiro.

Em novembro, mais dois vôos de São Paulo a Paris se juntarão aos dez já existentes, semanalmente, nesta rota. A Air France já oferece um vôo diário com Boeing 777-200 e três por semana com Airbus 330. Os novos vôos, também com Airbus 330, aumentam em 67% a oferta de assentos. Além disso, o B777-200 que faz a rota diária São Paulo-Paris-São Paulo será substituído pelo moderno B777-300, que tem 15% a mais de assentos (270 contra 310).

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP