Movimento na aviação doméstica cresce em fevereiro

90

Fevereiro foi um mês de boas notícias para as companhias aéreas do Brasil. Houve aumento de 13,3% no movimento de passageiros em relação a fevereiro de 2003. Nos dois primeiros meses do ano, o movimento acumulado cresceu 10,2% em comparação a igual período do ano passado.

Mês do carnaval, fevereiro foi marcado pela alta temporada turística, mas de baixa nas viagens de negócios. A demanda internacional no período cresceu 1,9% em relação a fevereiro de 2003. No acumulado de janeiro e fevereiro, o movimento internacional teve queda de 0,5% ante o mesmo período do ano anterior. Os números são do Departamento de Aviação Civil (DAC) e foram divulgados hoje pelo Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (Snea).

A TAM continuou a liderar a aviação doméstica em fevereiro, com participação de 31,39% no mercado doméstico e índice de ocupação de 59%. O Grupo Varig teve 29,82% do mercado e ocupação de 62% nos vôos. Em fevereiro de 2003, a Varig tinha 37,9% de participação. A TAM e a Varig compartilham assentos nos aviões desde março do ano passado.

A terceira do ranking é a Gol, cuja participação dobrou de um ano para o outro. Ela fechou fevereiro com 24,32% do mercado doméstico e ocupação média de 77% – a mais alta produtividade entre as companhias. Em fevereiro de 2003, a Gol tinha 15,48% de participação.

A Vasp teve 12,51% de market share e índice de ocupação de 56% nos aviões no mês passado (era de 14,66% em 2003). Nas viagens internacionais, a Varig manteve 88,27% do mercado e produtividade alta, de 79%. A TAM vem bem abaixo, com 11,66% de fatia e produtividade de 70%.

FONTE: Agência Estado – Fernando Valduga – Porto Alegre/RS