TAM faz campanha para divulgar normas de segurança nos vôos internacionais

138

A TAM Linhas Aéreas, maior companhia aérea no Brasil, está desenvolvendo uma campanha junto aos agentes de viagem para divulgar os procedimentos de segurança adotados pela empresa na inspeção de bagagens despachadas em vôos internacionais. O objetivo é informar os passageiros que planejam viajar para o exterior sobre as normas para o transporte de objetos considerados perigosos.

A lista de itens proibidos nos vôos internacionais inclui artigos como isqueiros (para viagens aos EUA), armas de fogo, munições, explosivos e fogos de artifício. Também são vetados líquidos e sólidos inflamáveis, materiais magnéticos, radioativos e oxidantes, gases comprimidos, substâncias infecciosas e produtos venenosos ou corrosivos.

Para evitar o transporte irregular desses itens, o Departamento de Security da TAM realiza a inspeção por Raio-X em 100% das bagagens despachadas nos vôos para destinos internacionais. Essa medida de segurança foi implementada pela TAM em 1998 e passou ser obrigatória para todas as companhias aéreas desde 1.º de janeiro deste ano, quando a Organização da Aviação Civil Internacional (OACI) determinou que todas as bagagens transportadas em vôos internacionais sejam inspecionadas.

Os passageiros que desejarem obter mais informações sobre as normas para o transporte de objetos em vôos internacionais podem consultar o site da TAM no endereço www.tam.com.br. A companhia fornece a relação completa de itens proibidos e ainda dá dicas para o passageiro organizar sua bagagem.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP