Alitalia lança dois novos voos para os Estados Unidos

379

Entrou em operação os novos voos da Alitalia de Milão para Miami e Roma para Los Angeles. Os voos, que começaram a ser comercializados nas semanas passadas, já contabilizam mais de 50 mil reservas. Milão-Miami terá três datas semanais, as segundas, quintas e sábados, enquanto Roma-Los Angeles operará todos os dias da semana, exceto terça e sexta-feira.

Os voos são operados pela Alitalia e comercializados em code share com a Delta Airlines e representam a única conexão direta entre as cidades, além de alcançar outros numerosos destinos do Norte, Centro e Sul da América, com a Delta e com a Aeromexico, companhias parceiras da Alitalia na aliança SkyTeam. “Estamos orgulhosos de anunciar o lançamento deste novo produto que permitirá, por meio de nossos parceiros da Skyteam, um crescimento da oferta global da Nova Alitalia”, disse Alessandro Innocenzi, VP Regional Manager Central and South America da Alitalia.

Para o lançamento dos voos, a Alitalia colocou à venda bilhetes a partir de 702 euros na opção Milão a Miami, de 3 a 26 de junho, e 803 euros de Roma a Los Angeles, de 5 a 26 de junho (ida e volta e taxas inclusas). Todos os passageiros do primeiro voo de Roma a Los Angeles receberão como cortesia uma toalha de banho da Frette, marca italiana que também assina as mantas utilizadas na Classe Magnifica.

Em julho, entrarão em serviço os dois novos Airbus A330 de longa distância da Alitalia, que serão entregues nos próximos dias. Estes aviões terão uma nova configuração interna, com três classes de viagem denominadas Classica (econômica), Classica Plus (econômica premium) e Magnifica (business).

A nova cabine da Magnifica possui poltronas-leito de última geração.  A Classica Plus, dedicada aos viajantes de negócios que desejam maior conforto e privacidade, terá poltronas mais confortáveis, mais espaço entre os assentos, telas individuais de 10.6 polegadas e serviço exclusivo com tarifas convenientes e flexíveis.

Os dois novos A330 da Alitalia serão baseados em Malpensa (Milão) e serão utilizados nas conexões entre Miami, Nova York e Tóquio.