GOL faz ajustes estratégicos em sua malha | Portal Aviação Brasil
Alteração e Novos Voos

GOL faz ajustes estratégicos em sua malha

GOL faz ajustes estratégicos em sua malha

A GOL Linhas Aéreas anunciou uma revisão em sua projeção para o ano de 2015, divulgada em fato relevante de 30 de março de 2015 e alterada em fato relevante de 13 de agosto de 2015 e também detalha ajustes estratégicos na malha doméstica e internacional da Companhia para adequar-se a atual demanda do mercado.

A revisão das projeções refletem a alta volatilidade cambial, a queda dos preços internacionais do barril de petróleo, bem como a atual conjuntura econômica que produziram impacto nos custos e despesas da GOL, e na receita com transporte de passageiros, cujo mix entre clientes a lazer e a negócios modificou-se.

A manutenção da projeção de oferta nacional para o ano de 2015 no intervalo de estável até uma queda de 1% resultará em um corte de capacidade de 5 até 7% no último trimestre do ano, dado que no acumulado até setembro este indicador apresentou crescimento de 1,6%.

Em função dos impactos de um cenário macroeconômico adverso, as projeções financeiras da Companhia poderão ser revisadas visando incorporar a evolução de seu desempenho operacional, financeiras e eventuais mudanças nas tendências de taxa de juros, câmbio, PIB e petróleo (WTI e Brent).

Dentre o ajustes na malha, estão à adição de novos voos, rotas e destinos, bem como alterações de frequências e cancelamentos de destinos impactados pela alta do dólar e desaceleração da economia brasileira. São elas:

Mercado doméstico

– No dia 25 de outubro a companhia iniciou novas rotas e voos partindo do aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Dentre os destinos estão as cidades litorâneas de Salvador, Porto Seguro, Ilhéus e Florianópolis – muito procuradas durante o verão. Maringá, Londrina e Presidente Prudente também contam com novas operações de Congonhas;

– Para a Alta Temporada, a empresa terá voos diretos do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, para Navegantes e Florianópolis, na região Sul do país. Mais cidades também serão ligadas à Porto Seguro, com voos diretos partindo de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Brasília. De Campinas, a companhia terá operações para Natal, Fortaleza, Salvador, Maceió e Recife;

– Estas modificações buscam capturar oportunidades do turismo e ajustar a capacidade da companhia ao atual cenário econômico brasileiro, dentro da já anunciada redução de até 1% da oferta doméstica em 2015.

Mercado internacional

– Os voos para Miami e Orlando, nos Estados Unidos, serão operados apenas de forma sazonal a partir de 19 de fevereiro de 2016. A operação regular da companhia para Punta Cana, partindo de Guarulhos, permanece;

– A companhia ainda estuda a viabilidade da continuidade de suas operações para Caracas, na Venezuela. Neste momento, os voos para o destino estão mantidos e sua frequência reduzida para uma vez por semana;

– A GOL planeja novos destinos na América Latina, entre eles Havana, em Cuba;

– A exemplo dos voos Fortaleza – Buenos Aires e Natal – Buenos Aires, a companhia estuda novas operações diretas para a capital argentina, partindo de outras cidades nordestinas.

Estes ajustes visam ainda aperfeiçoar a utilização dos recursos da companhia em rotas mais procuradas. A frota padronizada de aeronaves Boeing 737 permite que a GOL trabalhe sua malha de forma flexível e dinâmica, alocando suas aeronaves nos diferentes trechos operados pela companhia, sejam eles de curta ou longa distância e, de acordo com a necessidade da empresa.

Alteração e Novos Voos

More in Alteração e Novos Voos

Royal Air Maroc faz ajustes em voos no Brasil

Aviação Brasil (Redação)13 de janeiro de 2017

Azul fará Recife – Mossoró com ATR 72-600

Aviação Brasil (Redação)12 de janeiro de 2017

Belo Horizonte – Buenos Aires pela Gol

Aviação Brasil (Redação)12 de janeiro de 2017

Jericoacoara – Recife pela Azul

Aviação Brasil (Redação)10 de janeiro de 2017

Copyright © 2016 Aviação Brasil - AB Portais e Serviços em Tecnologia da Informação - (11) 2594-9806