Kuehne + Nagel assume operação logística global da TAM

426
Foto: Enos Moura Filho

Supply the Sky” é o termo que batiza o conjunto de soluções customizadas da Kuehne + Nagel para atender às necessidades da indústria aeroespacial, tornando o processo logístico um diferencial competitivo para as empresas do setor, sejam companhias aéreas, fabricantes de aeronaves, empresas de serviços de manutenção, serviços de bordo ou empresas de leasing. Consolidada como operador logístico integrado de abrangência global, a multinacional suíça-alemã, presente há meio século no país, passa a assumir a logística de peças de reposição, equipamentos e consumíveis da TAM Linhas Aéreas.

A Kuehne + Nagel atuará na importação de peças e equipamentos da Europa, prioritariamente de cinco países (França, Inglaterra, Alemanha, Espanha e Itália), da Ásia e da América do Sul. O atendimento realizará operações nos modais aéreo e rodoviário, atuando também no desembaraço aduaneiro. Para isso, contará com uma equipe especializada na área de operação do cliente.

“Vamos atuar para que a TAM possua os estoques de peças de reposição nos locais onde haja demanda. Dessa forma, contribuiremos para melhoria dos níveis de serviço em relação à disponibilidade de peças e componentes, facilitando também o processo de entrega. A efetiva presença global da Kuehne + Nagel proporciona diálogo direto com fornecedores, segurança e a agilidade nas importações de que a TAM precisa”, explica Antonio Moraes Pinto, Gerente Regional de Vendas – Aeroespacial na América do Sul e Central.

“A TAM opera em 42 aeroportos no Brasil e em 19 no exterior, o que requer uma logística de suprimentos e peças muito eficiente. Fizemos uma ampla pesquisa de mercado, e o histórico da Kuehne + Nagel e sua abrangência operacional foram decisivas em nossa avaliação”, comenta Marcelo Arantes, diretor de Suprimentos e Logística da TAM. Atualmente, a companhia possui uma frota de 159 aeronaves — 152 equipamentos da Airbus e sete da Boeing. A previsão da companhia é de que até 2015 a frota seja composta por 176 aeronaves.

Critérios rígidos de qualidade

Segundo Antonio Moraes Pinto, da Kuehne + Nagel, a indústria Aeroespacial possui demandas logísticas complexas em termos de variedade de produtos e dimensões, redes de distribuição, precisão rigorosa de requisitos de segurança e alto nível de serviço, incluindo o atendimento AOG.  Recentemente, a empresa recebeu, na Inglaterra, a premiação ATE&M – “Aircraft Technology Engineering & Maintenance Awards 2012” na categoria “Melhor Provedor Logístico”, o que reforça seu reconhecimento junto à indústria Aeroespacial. O prêmio foi recebido no último de dia 2 de maio de 2012.

Outro exemplo da especialização e diferenciação da Kuehne + Nagel é o novo serviço lançado no aeroporto de Heathrow, também na Inglaterra, para melhorar os serviços de logística de peças de reposição para as aeronaves. A solução permite realizar a logística dentro do próprio aeroporto, atendendo as necessidades dos engenheiros e mecânicos que realizam a manutenção dos os equipamentos em solo. O atendimento ocorre no tempo máximo de quinze minutos, o que contribuiu para o aumento da produtividade e redução do tempo de inatividade da aeronave.

“Para oferecer a logística adequada às demandas de uma unidade de manutenção de excelência como a da TAM – a TAM MRO (Mantainance, Overhaul and Repair) -, é necessário estar capacitado para atender todo o ciclo de vida de uma aeronave, além de oferecer serviços diferenciados”, analisa Marcelo Riso, Gerente de Carga Aérea – Logística de Aviação, responsável pela operação. A previsão inicial da Kuehne + Nagel de atendimento à TAM é da ordem de 400 embarques/mês, dentre exportações e importações.