Lançada a ABEAR

599
Foto: Enos Moura Filho

Abear: “não queremos incentivos ou subsídios”

Lançada oficialmente nesta terça-feira (21/08), durante o Aviation Day – realizado pela International Air Transport Association (IATA) em Brasília (DF) –, a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) foi criada pelas cinco principais companhias aéreas brasileiras – Avianca, Azul, Gol, Tam e Trip-, com a missão de estimular o hábito de voar no Brasil. O presidente da entidade, Eduardo Sanovicz, se apressou em deixar algumas coisas claras. “Não estamos pedindo incentivo ou subsídio a ninguém, apenas condições de sermos mais competitivos”, enfatizou o executivo.

As cinco empresas associadas, que juntas representam 99% do mercado, empregam 57 mil pessoas, dispõem de mais de 450 aeronaves e fazem cerca de 2.700 voos diários. De acordo com ele, a arma utilizada para que a Abear alcance seus objetivos será o diálogo. “Já agendamos uma reunião com a Dilma Rousseff para conversar sobre a questão do preço do combustível, entre outras”, disse. Em um ano, o preço do combustível aumento em 42%. Será preciso, segundo ele, alteração no preço cobrado pela Petrobras.

Os dados mais recentes, divulgados em um estudo da Iata e Oxford Economics, do ano passado (2011), dão conta de que o setor de aviação no Brasil contribui com R$ 32 bilhões (1%) para o PIB brasileiro. Além disso, há uma contribuição indireta de mais R$ 9,9 bilhões por meio do turismo, totalizando um peso de 1,3% no PIB. O setor proporciona quase um milhão de empregos (938 mil) no Brasil, sendo 684 mil empregos diretos e indiretos, e um incremento de 254 mil empregos, se considerarmos a cadeia produtiva do turismo e negócios que tenham o transporte aéreo como facilitador.

O setor aéreo também recolhe anualmente R$ 5,3 bilhões em tributos. Em 2011, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), foram vendidos 86 milhões de bilhetes aéreos no Brasil. “Queremos vender 150 milhões”, avisou Sanovicz. Desde 2010, mais brasileiros usam o modal aéreo do que o ônibus (considerando linhas interestaduais – com mais de 75 quilômetros de distância).

A diretoria da Abear é composta por Ronaldo Jenkins, diretor de Segurança e Operações de Voo; Adrian Alexandri, diretor de Comunicação; e Antônio Augusto do Poço Pereira, diretor Administrativo Financeiro.

 

Fonte: Mercados & Eventos

Por: Natália Strucchi