United e Air Canada formam joint venture para operar entre os Estados Unidos e o Canadá

441

A Air Canada e a United Continental Holdings, Inc. anunciaram a conclusão de um memorando de entendimento contendo os princípios para a formação de uma joint venture ampla e com partilha da receitas, que levará a uma parceria mais ampla com relação aos voos entre os Estados Unidos e o Canadá e trará substanciais benefícios em termos de serviços e tarifas para os passageiros que viajam entre os dois países. No dia 1 de outubro de 2010, a United Continental Holdings, Inc. anunciou a fusão entre a United Airlines e a Continental Airlines, combinando as redes mundiais das duas empresas para criar a maior companhia aérea do mundo, que operará com o nome de United Airlines.

As viagens entre o Canadá e os Estados Unidos constituem um dos maiores mercados de transporte aéreo internacional do mundo. A Air Canada, cuja rede inclui 59 cidades nos Estados Unidos, terá sua presença reforçada nos 210 aeroportos desse país servidos pela United Airlines. De forma semelhante, a rede da United, que inclui 16 cidades canadenses, terá sua presença reforçada nas 59 comunidades do Canadá servidas pela Air Canada.

Espera-se que a joint venture comece a funcionar no início de 2011, depois que as duas empresas pedirem e obtiverem as autorizações correspondentes dos órgãos reguladores. As duas empresas já têm garantias de imunidade com relação à legislação antitruste fornecidas pelo Departamento dos Transportes (DOT) do governo dos Estados Unidos.