United Airlines (USA) | Portal Aviação Brasil
Empresas Aéreas

United Airlines (USA)

United Airlines (USA)

Voando do Rio de Janeiro para Atlanta e de  São Paulo para Atlanta, Chicago, Newark e Washington a nova United Airlines é resultado da fusão da Continental Airlines e a United Airlines em 3 de maio de 2010.

A United Air Lines Inc. foi formada em 1º de julho de 1931 através de uma associação entre quatro empresas, sendo elas a Boeing Air Transport, Varney Air Lines, Pacific Air Transport e National Air Transport .

A Boeing Air Transport voava de San Francisco para Chicago com 25 aeronaves Boeing B40 para 4 passageiros e ou 2 passageiros mais carga e também chegou a utilizar o Boeing B80 para 12 passageiros. A National Air Transport voava de Chicago para New York com um Curtiss Falcon e um moderno Ford 5AT Tri-Motor para 13 passageiros. A Pacific Air Transport voava entre Seattle – San Francisco e Los Angeles com um Ryan M-1 e a Varney Air Lines voava entre Elko e Pasco utilizando um Swallow para 1 passageiro mais carga. A Boeing Air Transport comprou a Pacific Air em 1927 e em maio de 1930 se fundiu com a National Air Transport. Em junho de 1930 comprou a Varney e o resultado destas 4 associações gerou a United Air Lines.

O Boeing 247 foi a primeira aeronave da empresa que em 1933 voou de San Francisco a New York, num serviço de costa a costa. Esta aeronave substituiu o Douglas DST (Douglas DC-2) e DC-3 na rota, os quais foram utilizados somente na rota San Francisco – Los Angeles. A United possuía uma centena dos clássicos DC-3.

O Douglas DC-4 chegou a frota para atender os voos entre Chicago e New York no final dos anos 40. A empresa também passou a utilizar o Convair 340 que só foi substituído no início dos anos 60 pelos Caravelle. Nos anos 50 a United empregou o Boeing 377 Stratocruisers com um serviço muito confortável para a época, que lembrava o Douglas DST. Após a II Guerra Mundial os Douglas DC-6 substituíram os DC-4 nos voos Chicago – New York e em 1959 na nova rota para o Hawaii.

A United também chegou a operar, mas por pouco tempo, o Douglas DC-7, no final dos anos 50, pois a aeronave estava ficando obsoleta com a chegada dos aviões a jato. Em 18 de setembro de 1959 a United começou a operar o Douglas DC-8-10 em muitas rotas internas e ganhando vantagem contra seus concorrentes que utilizavam aeronaves Boeing e Convair.

Em 1960, para competir com a American Airlines, a United introduziu o Boeing 720B na rota Chicago – Los Angeles, com escala em Denver. Ainda este ano a empresa comprou a Capital Airlines, que realizava voos domésticos com aviões Viscount. A Capital Airlines era uma das cinco maiores empresas americanas com extensa rede de linhas no país e com esta aquisição a United tornou-se a segunda maior empresa do mundo, atrás somente da Aeroflot, da União Soviética. O primeiro dos 20 Caravelle 6R voou na empresa em 1961 na rota Chicago – New York. O avião francês operou por pouco tempo pois a empresa encomendou o Boeing 727.

Em meados dos anos 60 a frota estava composta com os DC8-50, os DC-8 séries 60 e 70, Os Boeing 720, Boeing 727-100, Caravelles, Douglas DC-6, Douglas DC-7, Convair 340 e Viscount, tendo no final da década a chegada do Boeing 737-200 e Boeing 727-200. Nos anos 70 chegaram os Boeing 747-100 e 200 que nos anos 80 começaram a ligar a Europa. Em 1971 a empresa adquiriu o Douglas DC-10-10 para curtas distâncias e o DC-10-30 para longas distâncias.

A United comprou os Lockheed Tristar da Panam e em 1986 passou a ligar o Pacífico. Nos anos 80 remotorizou os Douglas DC-8-61 para entrar de acordo com as normas de conforto da população europeia. Esta aeronave passou a se chamada de DC-8-71. Em 1986 introduziu vários Boeing 737-300 e Boeing 767-200 a frota, que gradativamente substituíram os Boeing 747-100 e Boeing 737-200.

Em 15 de maio de 1990 a United passou a ligar as cidades de Chicago e Washington DC a Frankfurt. Em 1991 comprou as rotas de Londres da Panam e começou a encomendar aeronaves europeias Airbus A320 e A319. Boeing 747-400 chegaram para substituir as versões 100 e 200, além de encomendas do Boeing 767-300 e Boeing 757. Em fevereiro de 1992 a empresa começou a operar nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. Em 1993 o voo de São Paulo era non stop para Miami e um voo de Los Angeles, antes operado com Boeing 747SP estava sendo atendido pelo Boeing 767.

Em 1994 passou a utilizar novo padrão visual em suas aeronaves e em 1995 introduziu o Boeing 777-200 a frota, para atender as linhas europeias. Em 1994 tinha quatro voos semanais para o Brasil, atendendo São Paulo e Rio de Janeiro. Belo Horizonte teve seus voos iniciados em 1996 para Miami. Em março de 1996 começou a operar na rota de São Paulo com o Boeing 777. Em 1998 deixou de operar na rota para Belo Horizonte que foi servida por conexões diretas da Varig, membro então da Star Alliance.

Em 2000 a United operava de São Paulo para Miami, New York e Chicago e do Rio de Janeiro para Miami e New York. Em novembro de 2002 inaugurou uma rota São Paulo – Washington DC. Em 19 de fevereiro de 2004 a empresa apresentou uma outra identidade visual. Em maio de 2004 a empresa cancelou a linha de Miami que partia do Brasil. Este ano de 2004 marcou outro ponto negativo na história da empresa, tendo fechado o ano com um déficit de receita de US$ 1,6 bilhão de dólares. Em 26 de março de 2005 iniciou voos entre San Francisco e o novo aeroporto de Nagoia. Em 7 de junho de 2005 iniciou outro novo voo, entre Los Angeles e Tokyo (Narita). Em 31 de julho de 2006 vendeu a rota Londres – New York para a Delta Airlines. Em 28 de outubro iniciou voos entre o Rio de Janeiro e Washington, até 28 de março de 2008.

Em 2012 celebrou 20 anos de operações contínuas no Brasil, iniciadas em 1992, com um voo diário de São Paulo para Miami e Nova York (JFK).

A Boeing e a United Airlines celebraram a entrega do primeiro 787-9 Dreamliner em 4 de setembro de 2014. O 787-9 Dreamliner acomoda de 250 a 209 passageiros e voará em rotas de 8.000 a 8.500 km.

Fez no início de março de 2015 uma série de encomenda de aeronaves, como o Boeing 737-700, Boeing 777-300ER, Boeing 787 além do Airbus A350-1000. Desde 7 de abril de 2015 efetuou a troca de aeronave na rota Houston – São Paulo para novíssimos Boeing 787-8. Enquanto isso a empresa decidiu que iria retirar de operação seus Boeing 747-400 até o final de 2018.  Em junho adquiriu 5% da Azul Linhas Aéreas por US$ 100 milhões de dólares.

Em 2015 transportou 348.440 passageiros do Brasil para os Estados Unidos, com 73,08% de aproveitamento, e 348.209 passageiros dos Estados Unidos para o Brasil, com 72,34% de aproveitamento, totalizando 696.649 passageiros na rota, o que equivale a 12,71% do share.

Foi eleita por clientes ao redor de todo o mundo na posição 68ª do Skytrax World Airline Awards 2016, que é “o Oscar da indústria da aviação”. São os prêmios de qualidade mais cobiçados para a indústria aérea mundial, e um referencia global de excelência aérea. É uma “3 Star Arline Skytrax”.

Companhia Integrante da Aliança Star Alliance

Veja abaixo as empresas integrantes.
Adria Airways, Aegean Airlines, Air Canada, Air China, Air India, Air New Zealand, ANA, Asiana Airline, Austrian, Avianca, Avianca no Brasil, Brussels Airlines, Copa Airlines, Croatia Airlines, EGYPTAIR, Ethiopian Airlines, Eva Air, LOT Polish Airlines, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Shenzhen Airlines, Singapore Airlines, South African Airways, SWISS, TAP Portugal, THAI, Turkish Airlines e United.

United Airlines - Voos Partindo do Brasil

Atualizado em 4/12/2016
OrigemDestinoFrequências SemanaisAeronaveVigência (Observação)
Rio de Janeiro (GIG)Houston7Boeing 787-800
São Paulo (GRU)Chicago7Boeing 767-300ER
São Paulo (GRU)Houston7Boeing 767-300ER
São Paulo (GRU)Newark7Boeing 767-300ER
São Paulo (GRU)Washington7Boeing 767-400ER

United Airlines - Frota

Atualizado em 29 de Dezembro de 2016
AeronaveOperacionalEncomendados
Airbus A319-10060
Airbus A320-20097
Airbus A350-1000035
Boeing 737-700NG40
Boeing 737-800NG1364
Boeing 737-900NG147
Boeing 737 MAX-8061
Boeing 747-40020
Boeing 757-20056
Boeing 757-30021
Boeing 767-300ER35
Boeing 767-400ER16
Boeing 777-200ER74
Boeing 777-300ER113
Boeing 787-81253
Boeing 787-91825
Empresas Aéreas

More in Empresas Aéreas

THY Turkish Airlines (Turquia)

Aviação Brasil (Redação)13 de janeiro de 2017

Latam Airlines Brasil (Brasil)

Aviação Brasil (Redação)8 de janeiro de 2017

Gol Transportes Aéreos (Brasil)

Aviação Brasil (Redação)7 de janeiro de 2017

US Airways (USA)

Aviação Brasil (Redação)29 de dezembro de 2016

Copyright © 2016 Aviação Brasil - AB Portais e Serviços em Tecnologia da Informação - (11) 2594-9806