Aeroperu (Peru)

1180

Empresa: Aeroperu (Peru)

Descrição: A Aeroperu foi criada pelo Governo Peruano em maio de 1973, dois anos após a quebra da empresa APSA – Aerolíneas Peruanas. Seu primeiro vôo ocorreu no dia do aniversário da independência do Peeru, em 28 de julho de 1973. Em maio de 1974 a Aeroperu estava operando com um Boeing 727-100 ex-United Airlines de Lima para Cuzco, Arequipa, Chiclayo e Iquitos. Em 26 de julho de 1974 a Presidente Nixon, dos Estados Unidos, aprovou a rota de Miami e Los Angeles da Aeropeu. Em 29 de julho iniciou vôos para Buenos Aires e Santiago com um Douglas DC-8. Em 16 de setembro a Aeroperu reiniciou os vôos para Miami, anteriormente operados pela APSA. Em 4 de outubro de 1975 a Aeroperu deu início a um vôo que partia do Rio de Janeiro e São Paulo para Los Angeles, com escalas em Lima e Cidade do México. Em maio de 1978 as cidades de Bogotá, Caracas e Quito passaram a ser atendidas pelos jatos da empresa. No dia 15 de dezembro de 1978 a Aeroperu recebeu dois Lockheed L-1011 Tristar e imediatamente colocou-o em operação para New York. O alto custo do Tristar levou a Aeroperu a retornar a operação de New York com o Douglas DC-8.

A Aeroperu em 1985 operava de Guarulhos as 3ª, 6ª e Domingos com destino a capital peruana, Lima, com um Douglas DC-8. Transportou naquele ano 906 mil passageiros. Sua frota em 1986 estava composta por 2 Fokker 27, 2 Fokker 28, 3 Boeing 727 e 4 Douglas DC-8. Em 8 de junho de 1986 a empresa começou charters entre Lima e Havana com o Douglas DC-8. Em 12 de junho de 1987 a empresa retomou os vôos diários entre Lima e Miami, com o Douglas DC-8 equipado com hush-kit. Em setembro de 1989 passou a operar nas cidades de Los Angeles e New York. A empresa já atendia as cidades de Bogotá, Buenos Aires, Caracas, La Paz, Cidade do México, Cidade do Panamá, Rio, São Paulo, Guayaquil e Santiago. Sua frota em 1990 passou a contar com mais 2 Douglas DC-8.

Com uma grave crise no Peru, a direção da empresa colocou a venda 2 Douglas DC-8 e 2 Fokker 28 e estudou a privatização da companhia.

Em fevereiro de 1992 a Aeromexico comprou 70% das ações da companhia, ficando os outros 20% com o governo e 10% com funcionários.

Em julho de 1993 a Aeroperu recebeu 2 McDonnell Douglas DC-10-30 para operação nas linhas do México e Buenos Aires. A rota brasileira estava fazendo escala em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. A frota após a privatização ficou com 3 Boeing 727-100, 2 Boeing 727-200 e 2 DC-10-15.

Em 1994 sua frota ficou com 4 Boeing 727-200, 1 Boeing 757 e 2 DC-10-15. No ano seguinte o DC-10 foi devolvido por ser uma aeronave cara de operar e a empresa adquiriu um segundo Boeing 757. Em 1996 a empresa colocaria mais 2 Boeing 727-200 em operação.

No ano de 1998 a empresa estava com uma frota operacional de 1 Boeing 727-100, 3 Boeeing 727-200 e 3 Boeing 757-200. No dia 10 de março de 1999 a Aeroperu suspendeu todos os seus vôos.

Website:

Fundação: Maio de 1973 – 10/03/1999

Controle:

Participação:

Alimentadora:

Codeshare:

Frota atual:

Palavra-chave: Aeropeu

Cidades:

Ano fiscal:

Reservas:

Publicidade