Aeropporto de Fortaleza tem novo Terminal de Logística de Cargas

128

O prédio tem aproximadamente nove mil metros quadrados de área construída e capacidade de armazenamento para até cinco mil toneladas, entre cargas domésticas e internacionais.
Entre os equipamentos instalados, o novo Terminal conta com três câmaras frias para peixes, frutas e flores – alguns dos principais itens de exportação do Estado do Ceará. O pátio de manobras tem capacidade para até nove aeronaves.

Com a nova estrutura, a Infraero espera aprimorar os negócios no setor de logística em Fortaleza. “O novo Terminal vai impulsionar as exportações e importações do Ceará, desenvolvendo a economia do Estado”, destaca o superintendente do Aeroporto Internacional Pinto Martins, Sérgio Fernandes Baltoré.

O presidente da Infraero, Cleonilson Nicácio Silva, acredita no retorno do investimento feito no novo Teca por conta do potencial existente no Ceará. “Com esta nova estrutura, a movimentação de carga no Aeroporto Pinto Martins só tende a crescer. Ganham o empresariado, o Estado e a Infraero. Neste momento, muitos falam sobre crise econômica e esta é uma demonstração clara que estamos apostando no crescimento da economia”, afirma.

Em 2008, o aeroporto movimentou mais de três mil toneladas de carga. Dentre os principais produtos, destacam-se a importação de peças para reposição de máquinas, tecidos, malhas, ligas de aço, bobinas, molas, conversores eletrônicos e motores hidráulicos. A maior parte da carga veio dos Estados Unidos, China, Suíça, Itália e Alemanha.

No setor de exportação, os produtos mais relevantes foram couros, flores, frutas, redes, peixes ornamentais e calçados, que seguiram com destino aos Estados Unidos, Holanda, Inglaterra, Portugal, França, China e Japão.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade