Air Canada assina contrato de compra de 45 Embraer 190

176

A Embraer anunciou hoje que a Air Canada assinou um contrato de compra de 45 aeronaves EMBRAER 190. O contrato é condicionado à saída da Air Canada da concordada sob as regras do Companies’ Creditor Arrangement Act (CCAA) e também contempla opções para até 45 outros aviões. As entregas das aeronaves, configuradas para oferecer serviços em duas classes, estão programadas para começar em novembro de 2005.
O anúncio confirma a proposta comercial assinada pela Air Canada em dezembro de 2003 e permite à Embraer acrescentar 45 novas encomendas firmes e 45 opções à sua carteira de pedidos.
A encomenda firme tem o valor de US$ 1,35 bilhão pelo preço de lista, com potencial de atingir o montante de US$ 2,7 bilhões se todas as opções forem exercidas.
“A introdução de uma nova geração de jatos de pequeno porte à nossa frota é um componente do plano de reestruturação do negócio da Air Canada, que visa implementar serviços de alta freqüência e baixas tarifas em rotas novas e já existentes do Canadá e Estados Unidos”, disse Robert Milton, Presidente e CEO da Air Canada. “Consoante com esta estratégia, o EMBRAER 190 será usado para o aproveitamento de oportunidades de mercado estratégicas na América do Norte, ao mesmo tempo em que oferecerá aos clientes uma experiência em vôo premiada, com mais espaço, conforto e conveniência”, ele acrescentou.
“A Air Canada conduziu minuciosas avaliações técnicas e operacionais em diversas aeronaves antes de selecionar o EMBRAER 190, o que faz da preferência da empresa algo ainda mais gratificante para nós”, disse Frederico Fleury Curado, Vice-Presidente Executivo para o Mercado de Aviação Civil da Embraer. “Com a finalização do acordo de compra, a Air Canada se torna o terceiro cliente no mundo a encomendar o EMBRAER 190.”
O EMBRAER 190 da Air Canada será configurado para oferecer serviços em duas classes. Na Primeira classe, haverá uma fileira de assentos individuais e outra com duas poltronas. Na Econômica, haverá duas fileiras com assentos dispostos dois a dois e 84 centímetros de espaço para as pernas.

FONTE: Aviação Brasil / Embraer – Assessoria de Imprensa – São José dos Campos/SP

Publicidade