Airbus Corporate Foundation inicia suas atividades beneficentes

145

A fundação iniciou as suas operações em 1° de dezembro, com a nomeação do presidente e CEO da Airbus Tom Enders para a presidência do conselho administrativo, que, por sua vez, nomeou Andrea Debbane para ocupar a função de representante geral da Fundação.

A responsabilidade social, aliada à maior responsabilidade ambiental, tem sido a alma das atividades empresariais da Airbus há muito tempo. Com um budget inicial de € 2,5 milhões, a Airbus Corporate Foundation terá como foco o apoio a três temas relacionados à assistência comunitária e humanitária, desenvolvimento juvenil e meio ambiente.

Na área ambiental, o objetivo será a proteção e o aumento da consciência ambiental e o apoio a projetos, especialmente de biodiversidade. A fundação também ajudará jovens a desenvolver habilidades que lhe serão úteis no futuro, estimulando, principalmente, a cidadania mundial e intercultural. O terceiro objetivo é oferecer ajuda e socorro em casos de desastres naturais e desenvolver as comunidades locais nas quais a Airbus está presente.

“A Airbus está se tornando uma companhia de escala mundial e, com a nossa expansão ao longo dos anos, cresceu também a nossa capacidade de apoiar a criação de projetos relevantes para comunidades do mundo inteiro. Ao comprometer tempo e conhecimento e direcionar recursos, podemos contribuir para desenvolver e manter vivas comunidades sustentáveis, ajudando a tornar o mundo um lugar melhor”, afirmou Tom Enders, CEO da Airbus, na primeira reunião do conselho administrativo.

A fundação estimulará o envolvimento de seus funcionários em projetos em suas próprias comunidades. Por meio da participação de seus colaboradores do mundo inteiro, a Airbus promoverá e compartilhará os valores que contribuíram para o sucesso da empresa até o momento e que garantirão um futuro brilhante: inovação e pioneirismo, desenvolvimento de talentos e criação de valor com impacto ambiental mínimo.

“Estamos motivados com a contribuição social de muitos funcionários da Airbus que participam de ações de interesse geral e que apoiaram as ações humanitárias que assumimos no passado”, afirmou Enders. “Contamos com o envolvimento ativo do nosso pessoal no futuro e com o suporte diferenciado que pode ser oferecido pela nossa rede internacional de clientes e fornecedores.”

O conselho administrativo garantiu o apoio de quatro membros externos, que contribuirão com experiências e know-how específico nas diferentes áreas de atuação da Airbus Corporate Foundation: Kriss Akabusi, Marcel Rufo, Manuel Toharia Cortes e Henning Voscherau.

A aviação é um setor chave para o desenvolvimento social e econômico e é um recurso essencial para os esforços humanitários no mundo. A Airbus utilizará suas competências e formará parceiras com clientes para, entre outras coisas, utilizar as suas aeronaves para oferecer apoio comunitário no combate à pobreza, transportar material de ajuda humanitária e fornecer auxílio às vítimas de catástrofes naturais.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP