Airbus apresentará seus produtos mais recentes no Singapore Airshow

150

O novo modelo de carga é o mais recente membro da bem sucedida Família A330 e entrará em operação no fim do ano. Com o menor custo operacional oferecido por um cargueiro de porte médio de sua categoria, o A330-200F tem capacidade para transportar mais de 69 toneladas métricas de carga por até 3.200 milhas náuticas (5.930 km), sem escala. Em seu corpo principal, o avião possui um flexível sistema de carregamento que acomoda pallets e containers e permite que as operadoras consigam transportar cargas de acordo com as necessidades de variados mercados.

Dentro do pavilhão de exibições, no stand da EADS (H23), a Airbus também apresentará uma maquete em tamanho original da parte dianteira superior do corpo do A350 XWB. Agendado para iniciar suas operações em 2013, o A350 XWB irá traçar novos patamares de eficiência para o mercado de aeronaves de médio porte com longa autonomia, já que queima 25% menos combustível que qualquer outro modelo da mesma categoria em operação atualmente. Também em demonstração estará um modelo cortado, em escala 1/20, da cabine de comando do A380, permitindo a visualização do layout interior da maior aeronave de transporte de passageiros do mundo.

Uma parte do stand será dedicada aos recém lançados produtos da Airbus Military, onde os visitantes poderão observar um corte transversal do novo A400M para transporte militar, bem como um modelo em escala 1/20 do A330 MRTT (Tanque de Transporte Multitarefa).

Como reflexo de seu compromisso com o meio ambiente, a Airbus também estará presente no Pavilhão Verde, instituído pelo organizador da mostra em associação com a “International Air Transport Association” (IATA). Nesse pavilhão, os visitantes poderão conhecer as iniciativas da empresa para garantir um futuro eco-eficiente para a indústria aérea, incluindo o seu mais recente trabalho sobre combustíveis alternativos e de gestão de tráfego aéreo.

A Airbus chega ao Singapore Airshow no ano em que comemora 40 anos de inovações a partir do lançamento do seu primeiro programa de aeronaves. Desde aquela época, a empresa cresceu e se tornou uma das principais fabricantes mundiais de aeronaves civis, também oferecendo uma variedade de aviões militares através da Airbus Military.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP