Apesar de negar, VASP tem vôos cancelados por paralização

114

A greve de pilotos, aeronautas e comissários de bordo da Vasp provocou o cancelamento de 15 vôos da companhia nesta terça-feira. Segundo informações da Globonews, a maioria dos vôos faria a ponte-aérea Rio-São Paulo.

De acordo com informações da Infraero, quatro vôos foram cancelados no Aeroporto de Congonhas. Três deles seguiriam para o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, onde três aeronaves da Vasp deixaram de decolar.A Infraero informou ainda que apenas um vôo pousou hoje em Congonhas.

É grande a confusão no aeroporto de Congonhas. Centenas de pessoas aguardam o atendimento nos stands da companhia e as atendentes continuam fazendo o check-in, apesar de não haver previsão de vôos da ponte-aérea Rio-São Paulo. Segundo alguns clientes, nenhum representante da empresa deu explicações sobre o movimento grevista, nem previsões de vôo.

Desde a zero hora desta terça-feira, os funcionários da Vasp, quarta maior companhia aérea do país, decidiram cruzar os braços em sinal de advertência contra a direção da empresa, que se recusa a pagar horas noturnas, feriados e a depositar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

FONTE: Aviação Brasil / GloboNews / JB – Aviação Brasil – São Paulo/SP