Asas do Boeing 787 Dreamliner são entregues em Everett

314

As gigantes asas compostas do novíssimo Boeing 787 Dreamliner foram entregues em Everett, cidade que abriga uma das fábricas da empresa, às 4:10h da madrugada de hoje – horário local.

Fabricadas pela Indústria de Aço Mitsubishi, em sua unidade em Nagóia, Japão, cada asa tem o cumprimento de 29,87m. Produzidas sob encomenda com ferramentas desenvolvidas exclusivamente para sua fabricação, as duas asas foram entregues juntas à Boeing. Seu transporte só foi possível graças ao Dreamlifter, o avião-cargueiro 747-400 especialmente adaptado para transportar peças maiores e indivisíveis. O 787 é o primeiro avião comercial a utilizar materiais compostos em sua estrutura básica e também o primeiro Boeing a apresentar asas totalmente compostas.

“Antes, nunca tinha sido construída uma asa composta deste tamanho”, disse Scott Strode, vice-presidente de produção do 787. “Isto é um tributo à nossa equipe fantástica. Nós acreditamos que o Dreamliner estabelece um novo padrão na fabricação de aviões comerciais e de como serão construídos no futuro”, declara Strode.

As asas foram imediatamente descarregadas na linha de montagem final da fábrica do 787. Os trabalhos adicionais – como a fixação das extremidades das asas e suas superfícies móveis – serão finalizados pela Boeing. A envergadura total das asas do 787 é de 60m.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade