Autoridades aprovam teste de evacuação do Airbus A380

296

A EASA (European Aviation and Safety Agency) e a FAA (Federal Aviation Agency) dos EUA deram seu selo de aprovação ao bem-sucedido teste de evacuação do A380, efetuado nas instalações da Airbus em Hamburgo, no dia 26 de março último. Neste teste, 853 passageiros e 20 tripulantes deixaram o avião em apenas 78 segundos. Assim, a capacidade máxima de 853 passageiros foi aprovada para o A380-800.

De acordo com os regulamentos, o teste de evacuação foi realizado em total escuridão e utilizando apenas a metade das 16 saídas disponíveis no A380. As saídas escolhidas pelas autoridades aeronáuticas internacionais para serem utilizadas não eram conhecidas pelos passageiros e tripulantes até o início do teste.

“Esse resultado foi um excepcional e notável sucesso para a Airbus. Passamos por um dos principais marcos da homologação”, disse Charles Champion principal executivo operacional da Airbus e chefe do programa A380. “Gostaria de agradecer a todos os participantes, aos tripulantes e a todas as equipes que trabalharam durante meses para a execução desse teste. Eles fizeram um fantástico trabalho.

O teste de evacuação foi o mais rigoroso já feito até hoje e o primeiro realizado num avião de dois andares. O avião estava dotado com um interior com a maior capacidade de passageiros possível. Estavam a bordo dois tripulantes técnicos e 18 de cabine da Lufthansa para supervisionar a evacuação de forma representativa.

O A380 foi projetado para transportar em média 555 passageiros em 3 classes (primeira, executiva e econômica), podendo voar distâncias de 15.000 km. Até agora, já foram encomendados 159 A380 por 16 clientes e o primeiro será entregue à Singapore Airlines no final deste ano.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP