Boeing Business Jets apresenta novo conceito para o interior de seu maior jato particular

169

A Boeing Business Jets (BBJ) apresentou hoje um conceito luxuoso e inovador para o interior de um 747-8 VIP, desenvolvido a partir do Boeing 747-8 Intercontinental.

O projeto em perspectiva foi apresentado na European Business Aviation Conference & Exhibition – EBACA, em Genebra, Suíça, e prevê opulentas estruturas, como o teto arqueado, escadas em espiral e video walls.

“Com mais de 1.524 m2 de espaço na cabine, o novo jato 747-8 VIP reunirá incomparável luxo e flexibilidade operacional”, declarou Steven Hill, presidente da Boeing Business Jets. “O 747-8 VIP dá continuidade ao legado de sucesso do 747, incorporando a avançada tecnologia do 787 Dreamliner. Esta prova de flexibilidade operacional mostra que é possível realizar viagens de longa distância, com muito conforto, e cobrir um grande número de aeroportos”, conclui Hill.

A versão VIP do 747-8 Intercontinental tem uma cabine com 444,6 m2. A nova área, batizada de SkyLoft, está localizada acima da cabine principal, entre o deck superior e a cauda do 747-8 VIP, oferecendo potenciais 81,8 m2 de espaço a mais na cabine e dando aos seus proprietários a oportunidade de criar suítes, escritórios e áreas de lazer.

Com o SkyLoft, a configuração de um 747-8 VIP tem área total de 526,5 m2 na cabine e pode transportar até 100 passageiros com autonomia de 17.150 km. O avião é ainda o mais rápido do segmento de grandes cabines no mercado de jatos particulares, capaz de viajar a Mach 0,86.

A Boeing não desenha ou instala os interiores dos aviões VIP. A empresa entrega os aviões em estado “green”, o que significa, sem mobília ou pintura. Os clientes são responsáveis pela contratação de designers, certificados pela Boeing, para que possam desenvolver juntos seus interiores personalizados.

No início deste ano, a Boeing Business Jets revelou o conceito para o interior de um jato 787 VIP, versão do maior lançamento na história da aviação comercial, o 787 Dreamliner.

O jato 747-8 VIP é hoje o único avião particular, de grande porte, que atende as exigências de infra-estrutura dos aeroportos, conferindo maior flexibilidade na escolha de destinos aos seus proprietários. Construído de acordo com a capacidade atual do 747 de voar para a maioria dos aeroportos espalhados pelo mundo, o 747-8 VIP pode ser operado pelos mesmos pilotos e requer o mesmo tipo de suporte terrestre.

Há atualmente 22 unidades de 747 VIP em operação.

Até hoje, clientes não identificados compraram quatro 747-8 VIPs. O primeiro 747-8, para uso comercial, tem o início de sua operação previsto para 2010.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP