Boeing Entrega Revolucionário Sistema de Pouso no 737 Next-Generation

110

A Boeing entregou hoje um 737 equipado com um avançado sistema de pouso que guiará o avião com precisão incomparável nas pistas.

Diferentemente da tecnologia utilizada até agora, que tem como base única a informação enviada pelas estações no solo, o Global Positioning Landing System (GLS) integra dados do sistema global de navegação por satélite, estações no solo e um receptor múltiplo no avião que fornece, com precisão, a posição relativa do avião em relação à pista e às proximidades do terreno.

“A Boeing tem compromisso com um sistema de transporte aéreo seguro e eficiente. A maior precisão das informações sobre aproximação e pouso aumenta significativamente a segurança nos pousos e nas decolagens nos aeroportos em todo o mundo”, declarou o capitão Ray Craig, piloto-chefe de 737. “O sistema GLS consolida o 737 Next-Generation como o avião mais tecnologicamente avançado de sua categoria e melhora a capacidade de gerar faturamento das companhias aéreas.”

A FAA certificou o sistema GLS após um programa de testes que levou três anos. Neste período, o recurso de navegação mostrou-se confiável e impecável, ideal para pousos automáticos e decolagens com baixa visibilidade. A certificação da JAA deve sair em breve.

Inicialmente, o GLS é certificado para operações da Categoria I, que permite a operação de aviões em condições de baixa visibilidade. No futuro, conforme as estações GLS estiverem disponíveis no mundo todo, o sistema poderá funcionar para operações da Categoria llI, que permitem aos aviões operar sob praticamente nenhuma visibilidade.

O 737-800 é o primeiro e único avião comercial certificado com esta tecnologia sofisticada.

FONTE: Aviação Brasil / Boeing – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP