Copa Airlines inaugura amanhã rota para Manaus

133

Exatos seis anos depois de pousar no Brasil com um serviço direto e pioneiro entre São Paulo e Cidade do Panamá, a Copa Airlines amplia, a partir de 15 de julho, suas operações no país. A companhia inaugura cinco vôos semanais unindo Manaus e o centro-norte brasileiro às principais cidades da América Central e do Sul, EUA, Europa e Caribe por meio do Hub das Américas, no Panamá.

As aeronaves decolarão todos os dias – exceto terças e sextas-feiras – da capital amazonense às 16h03 (horário local), com chegada na Cidade do Panamá às 18h30 (horário local). O retorno acontece às 10h53, com aterrissagem em Manaus às 15h23. O tempo de vôo é de 3h27. A rota será operada com os novos Embraer 190 AR, recebidos no final de 2005 e com capacidade para 94 passageiros, sendo 10 assentos na classe executiva. Com as operações na capital amazonense, a Copa Airlines chega a 19 freqüências semanais entre Panamá e Brasil. Em 2000, quando chegou ao país, eram três freqüências.

“Como região carente de vôos internacionais, passageiros poderão desfrutar de conexões imediatas para outras cidades do norte e centro-oeste brasileiro, como Belém e Brasília, além de capitais do Nordeste. Ao mesmo tempo, a região ficará interligada aos destinos internacionais operados pela Copa Airlines, graças ao Hub das Américas”, aponta Jorge Garcia, vice-presidente comercial da companhia.

As novas freqüências permitirão conexões para Miami, Los Angeles, Orlando e Nova York, nos Estados Unidos, Caracas e Bogotá, na América do Sul, capitais centro-americanas e países caribenhos. Code-shares garantirão ainda acesso a aeroportos asiáticos, como os de Tóquio e Seul, e às principais capitais européias, via Madri, na Espanha.

Manaus passa a ser uma opção mais rápida para alcançar a região amazônica e a capital federal, Brasília, sem passar pelo congestionado aeroporto de São Paulo. O tempo de vôo da cidade para Miami é de aproximadamente 6 horas, contra 14 horas por uma conexão realizada em São Paulo. “A Copa reafirma o compromisso de oferecer as melhores rotas e permite aos viajantes escolher horários de sua conveniência e aproveitar nossa ampla rede de conexões”, explica o gerente geral da Copa para o Brasil, Alexandre Camargo.

Segundo o executivo, a rota contribuirá consideravelmente para aumentar o intercâmbio comercial e turístico para Manaus e a Zona Franca local. “Os vôos diminuirão tempo e encurtarão as distâncias para o público executivo, além de favorecer o desenvolvimento da indústria turística da Amazônia”, observa.

A companhia também já possui tarifas para todos os seus destinos com saídas de Manaus. Para o Panamá, o bilhete de ida e volta custa a partir de US$ 390. Outros destinos muito procurados são Havana, em Cuba, a partir de US$ 730, Miami (US$ 426) e Orlando (US$ 469), nos Estados Unidos.

Além de Manaus, a Copa Airlines inaugura outras cinco rotas ainda em 2006, como novos vôos para Trinidad & Tobago, República Dominicana, Venezuela, Honduras e Uruguai, como mostra a tabela abaixo:

O primeiro vôo chega a Manaus neste sábado e trará, do Panamá, uma comitiva de diretores da companhia. Estarão presentes também diretores da Embraer, autoridades e representantes do turismo locais. Os convidados acompanharão o batismo da aeronave e participarão de evento em seguida.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP