EADS leva carro de combate e sistemas de guerra eletrônica para evento no Rio de Janeiro

112

A EADS (European Aeronautic Defence and Space Company), que ocupa posições de liderança mundial nos mercados de defesa, aeroespacial, aviação comercial e militar, participará da LAAD (Latin America Aero & Defence), que será realizada de 26 a 29 de abril no Centro de Exposições do Riocentro, no Rio de Janeiro. Considerada uma das mais importantes feiras do setor aeronáutico e de defesa da América Latina, a LAAD reunirá os principais players internacionais.

A EADS, que participara das últimas duas edições da LAAD, será representada na exposição por meio de suas divisões Aeronaves de Transporte Militar (MTA) e Sistemas de Defesa e Segurança (DS), da subsidiária Eurocopter (pertencente à sua divisão Aeronáutica) e da Pátria, companhia finlandesa que atua em parceria com o grupo no segmento de veículos blindados.

“A LAAD é uma importante referência no mundo dos negócios nas áreas aeroespacial e de defesa. Nossa participação será um momento no qual mostraremos aos visitantes por que somos líderes de mercado”, afirma Eduardo Marson Ferreira, diretor geral da EADS Brasil.

Os mais de 12 mil visitantes esperados nesta edição poderão ver no estande da companhia o blindado AMV 8×8, apresentado ao Alto Comando do Exército Brasileiro e ao mercado latino-americano no ano passado. Há negociações para que, por meio da Imbel, o veículo seja fabricado no Brasil. Além do contato com o blindado, os visitantes ainda poderão ver simulações de sistemas de gestão de combate, rede de comunicação segura com base na tecnologia Tetrapol e equipamentos de monitoramento e defesa que fazem parte de sistemas de guerra eletrônica.

Além das divisões da EADS mencionadas acima, participarão da mostra outras empresas ligadas ao grupo, como a MBDA (que faz parte da divisão EADS DS) e a Helibrás (subsidiária da Eurocopter no Brasil). Paralelamente à feira, serão realizados três eventos: Simpósio Internacional de Logística Militar, que discutirá programas de reaparelhamento das forças armadas e a atuação do Brasil no Haiti; a Airline Business Club, que abordará questões ligadas ao mercado de aviação civil; e a Helitech Latin America – Feira e Conferência Interancional sobre Tecnologia e Operações de Helicópteros.

FONTE: Aviação Brasil / EADS – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade