Embraer mostra inovações do Legacy na EBACE

186

A Embraer apresentará pela primeira vez o novo interior do Legacy Executive na mostra estática de uma exibição aeronáutica realizada na Europa. A aeronave, representativa do estado-da-arte, será exibida no Aeroporto Internacional de Genebra durante a convenção anual da European Business Aviation Conference and Exhibition (EBACE), que ocorre entre 25 e 27 de maio.

Os visitantes da EBACE 2004, que devem ultrapassar os 6.000 da edição anterior do evento, serão apresentados ao flexível conceito de design de interior do Legacy Executive, que foi desenvolvido após cuidadoso estudo dos perfis e missões potencialmente diferentes dos clientes. A compreensão destes requisitos permitiu à Embraer oferecer diversas escolhas de configuração, tornando a personalização da aeronave mais rápida e de custos mais vantajosos.

O interior modernizado do Legacy Executive traz o “valance panel” redesenhado, e tem poltronas e descansos de braço artisticamente remodelados, o que aumenta a mobilidade dentro do avião. O novo interior da aeronave também dispõe de uma “galley” maior, em que podem ser servidos alimentos quentes e frios para até 13 passageiros. Além de um lavatório mais amplo, o novo Legacy Executive traz um segundo toalete dianteiro, opcional.

O Legacy é um produto em constante evolução. Recentemente, a versão Executiva da aeronave recebeu melhorias aerodinâmicas e no sistema de combustível, e ainda teve incorporados motores Rolls-Royce AE3007 mais potentes. No início de 2004, a aeronave obteve autorização do Centro Técnico Aeroespacial (CTA) brasileiro e da Federal Aviation Administration (FAA) dos Estados Unidos para pousar e decolar de aeroportos situados a até 8.500 pés de altitude.

A Embraer em meados de abril anunciou um plano revisado de manutenção para o Legacy, que diminuiu o número de paradas de manutenção para quatro, no espaço de um ano, e reduziu em 18 por cento o número de horas empregadas no trabalho de manutenção. Isto representa importante economia de custos para os operadores, ao mesmo tempo que mantém os altos níveis de segurança e confiabilidade da aeronave.

Outro recente avanço foi a certificação, pela European Aviation Safety Agency (EASA), de uma nova versão de software do transponder do Legacy. Esta nova versão, mais avançada, melhora a capacidade de comunicação do jato e, em última instância, aumenta a segurança em vôos realizados nos céus congestionados da Europa. A atualização do software visa atender requisitos da Communication Navigation Surveillance/Air Transport Management (CSN/ATM). Fabricantes de aeronaves têm até março de 2005 para demonstrarem conformidade com estes requisitos.

FONTE: Embraer – Assessoria de Imprensa – São José dos Campos/SP