Embraer revela Phenom 100 e Phenom 300 na NBAA

354

A Embraer revela hoje, na maior feira de aviação executiva do mundo, o nome dos seus jatos Very Light e Light – Phenom 100 e Phenom 300, respectivamente.

Os nomes foram anunciados durante a apresentação dos mock-ups (modelos) em tamanho real dos novos jatos executivos da Embraer, na convenção anual da National Business Aviation Association (NBAA), em Orlando, Estados Unidos. Os mock-ups podem ser vistos no estande 5559 da Embraer a partir desta quarta-feira, 9 de novembro.

O Phenom 100 e o Phenom 300 são produtos verdadeiramente extraordinários por seu alto nível de conforto, qualidade de vôo e excelente desempenho. Outros atributos aos aviões incluem os motores de última geração, baixo custo de operação e projeto para alta utilização.

O Phenom 100 e o Phenom 300 competirão nas categorias very light, entry e light. Suas vantagens marcantes, como o tamanho e conforto da cabine, a funcionalidade dos comandos e a alta disponibilidade, fazem deles escolhas excelentes para uso privativo, viagens de negócio e operação de táxi aéreo.

“Quando selecionamos um nome para a nova família de jatos executivos da Embraer, Phenom surgiu como opção de destaque, aquela que melhor traduzia as características superiores e a capacidade de oferecer uma experiência ilimitada de vôo”, disse Maurício Botelho, Diretor-Presidente da Embraer. “O Phenom 100 e o Phenom 300 reafirmam o comprometimento da Embraer com o mercado de aviação executiva, no qual, a partir do lançamento do Legacy, a Embraer elevou os padrões de volume de cabine, conforto, privacidade, despachabilidade e desempenho.”

Os jatos Phenom (em inglês, pronuncia-se fi-nom) foram lançados em maio de 2005 para expandir o portfólio de aeronaves executivas da Embraer e ampliar a participação da Empresa neste marcado.

Os jatos Phenom 100 e Phenom 300 são os melhores da sua classe. Conforto superior, desempenho excepcional e baixo custo de operação constituem requisitos imprescindíveis no projeto desses jatos.

Ambas as aeronaves oferecem aos pilotos e passageiros conforto e estilo sem paralelo em suas categorias. A sensação relaxante do ambiente é aumentada pelo generoso tamanho das janelas e pela comodidade da maior cabine de suas respectivas classes. A bordo, há uma copa, lavabo privativo, além de comunicação e entretenimento por satélite.

A funcionalidade da cabine de comando e as qualidades de vôo das duas novas aeronaves permitirão a operação por apenas um piloto. Aproveitando a herança do projeto do avião Legacy, os jatos Phenom 100 e Phenom 300 serão construídos para alta utilização e alta confiabilidade, características que os tornam particularmente adequados para operação no mercado mundial de táxi aéreo.

O Phenom 100 da Embraer transportará até oito ocupantes e será equipado com motores PW617F da Pratt & Whitney Canada, que tem 1.615 libras de empuxo cada. Com quatro pessoas a bordo e velocidade máxima de Mach 0,70, o alcance do Phenom 100 é de 1.160 milhas náuticas (com reservas NBAA IFR e alternativa de 100 milhas náuticas). O avião é projetado para decolar em distâncias curtas e é capaz de voar a 41.000 pés (12.500 metros) de altitude.

O Phenom 100 deverá entrar em serviço em meados de 2008 e terá preço de US$ 2,75 milhões, nas condições econômicas de 2005. O Phenom 300 será equipado com o motor PW535E da Pratt & Whitney Canada, que tem 3.200 libras de empuxo. Confortavelmente acomodando até nove ocupantes, o alcance do Phenom 300 será de 1.800 milhas náuticas (reservas NBAA IFR e alternativa de 100 milhas náuticas) com seis pessoas a bordo, e sua velocidade máxima será de Mach 0,78. O avião também é projetado para decolar em distâncias curtas e é capaz de voar a 45.000 pés (13.700 metros) de altitude.

O Phenom 300 deverá entrar em serviço em meados de 2009 e terá preço de US$ 6,65 milhões, nas condições econômicas de 2005.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade