Emirates amplia presença na Europa

129

Iniciando o processo de expansão programado para este ano, a Emirates anunciou que transformará o vôo de Nice a Dubai, realizado três vezes por semana, com escala em Roma, em vôo sem escalas e com cinco freqüências semanais, a partir de 01 de dezembro. A mudança coincide com o 150 aniversário de vôos da companhia entre as duas cidades.

A Emirates será a única empresa aérea a oferecer serviços regulares unindo o sul da França ao Oriente Médio, à Ásia e ao Extremo Oriente. Os passageiros poderão utilizar a malha de rotas da companhia, que a partir de Dubai, serve um total de 98 outros destinos em 61 países. Os aviões designados para essa nova rota sem escalas são Airbus A330-200, com capacidade para 12 passageiros na Primeira Classe, 42 na Classe Executiva e 183 na Classe Econômica, todos desfrutando do renomado serviço de bordo e sistema de entretenimento da Emirates. O Airbus A330-200 também colocará à disposição na rota mais de 80 toneladas semanais de capacidade de carga, em cada direção, através da unidade especializada da Emirates, a SkyCargo.

Ghaith Al Ghaith, Vice-Presidente Executivo de Operações Comerciais Globais, destaca: “Essas mudanças significativas refletem a demanda crescente de passageiros para e desde o sul da França. Estaremos oferecendo um número bem maior de alternativas de conexões, colocando à disposição o uso pleno de toda a malha de rotas da Emirates. Agora os passageiros dessa região podem traçar planos de viagem que, antes, significavam um deslocamento para Paris ou outras cidades, como pontos obrigatórios de conexão”.

Em paralelo a essa iniciativa, a Emirates ampliará a oferta de assentos e carga nos seus dois vôos diários sem escalas Paris – Dubai, passando a operá-los com Boeing 777 a partir do final de fevereiro.

No segundo semestre do ano passado, a Emirates incluiu seis novos destinos à malha de rotas, dos quais dois na Europa. Veneza passou a integrar essa malha em julho e Newcastle seguiu seus passos três meses depois. Em 2008, a empresa iniciará serviços para oito destinos novos, incluindo Cape Town, na África do Sul.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP