Fortaleza e Manaus terão vôos da Delta Airlines

342

A partir do segundo semestre do ano que vem, Fortaleza entra na rota da maior companhia aérea de todo o planeta, a Delta Airlines. Inicialmente, a empresa ofertará uma linha direta e regular, com três vôos semanais, ligando Fortaleza a Atlanta.

De acordo com o titular da Setur (Secretaria do Turismo), Bismarck Maia, já está definida a vinda da companhia, que terá operações regulares também em Manaus (AM). ´Será usado um ER 757, com capacidade para transportar 210 passageiros´, detalha Maia. Ele frisa a importância que o portão de entrada seja Atlanta, cidade do Aeroporto Internacional Hartsfield, de onde partem aeronaves com destino a todo o mundo — e onde chegam vôos oriundos de todos os continentes. ´Com este vôo, o Ceará ficará mais próximo de mercados valiosos´, projeta o secretário. O Diário do Nordeste já havia antecipado com exclusividade no dia 5 de outubro último, que a Delta Airlines estava de olho no mercado cearense, bem como a American Airlines. Esta última, entretanto, terá rota linkando os EUA a Salvador.

Além da ampliação da base de mercado, Maia conta com uma revolução no perfil de visitantes ao Estado, com concentração no filão de negócios, que tende a ter um consumo per capta mais alto e visitas mais freqüentes.

Os dois vôos não serão interligados. Ou seja, será feito diretamente de Fortaleza a Atlanta, e retornando, perfazendo um total de aproximadamente seis horas e 15 minutos para cada trecho. O secretário não disfarça sua euforia quanto à importância desta conquista para o turismo cearense. ´Vamos entrar com força no mercado norte-americano, que ainda é pouco expressivo dentre os estrangeiros que chegam ao Ceará´, diz. Ele conta com incremento também no turismo emissivo feito em Fortaleza, que poderá tornar-se ponto de convergência de todo o Nordeste para chegar aos Estados Unidos. ´Vamos fazer um trabalho forte de promoção para aquecer também o turismo emissivo em direção aos Estados Unidos. O desembarque fica a cerca de 40 minutos dos parques da Disney´, adianta. Já estão sendo conduzidos estudos técnicos no Aeroporto Pinto Martins para conferir se haverá necessidade de qualquer mudança para a entrada em operação da companhia norte-americana no Ceará.

A entrada de uma empresa de porte como a Delta no Ceará é um divisor de águas para o turismo internacional.

FONTE: Diário do Nordeste – Leônidas Albuquerque – São Paulo/SP

Publicidade