Gol amplia canais de vendas com o lançamento de lojas no exterior

160

“Por meio das novas lojas, vamos oferecer um atendimento mais personalizado aos nossos clientes, suprindo as necessidades locais de cada mercado onde operamos. Servimos comunidades diferentes, que têm expectativas distintas, e queremos atendê-las da melhor forma possível”, destaca Tarcísio Gargioni, vice-presidente de Marketing e Serviços da GOL. “Para a Companhia, será um importante canal de geração de receitas”.

A primeira representação, inaugurada hoje, em Assunção (Paraguai), está localizada em um dos endereços mais privilegiados da cidade, o movimentado centro de compras e entretenimento “Paseo Carmelitas”, na Avenida España. A Companhia abrirá, ao longo dos próximos meses, lojas em Buenos Aires, Córdoba e Rosário (Argentina), Santa Cruz de la Sierra (Bolívia), Santiago (Chile), Lima (Peru) e Montevidéu (Uruguai), além de pontos de venda em Cochabamba e La Paz. Em Bogotá (Colômbia) e Caracas (Venezuela), destinos servidos com a marca VARIG, as lojas já existentes serão reformuladas e mudarão de endereço, também para melhor atender os clientes.

Adicionalmente, a Companhia aumentará a estrutura comercial em cada destino. Entrará em alguns mercados com SPRs (Sales Promotion Representatives), representantes terceirizados que vão trabalhar em conjunto com a GOL na comercialização das passagens, atendendo os clientes finais e agências de viagens – um modelo que se assemelha ao das franquias da Gollog, a unidade de negócios de cargas da Companhia. O custo da montagem e a manutenção das lojas ficará a cargo do terceirizado, que atuará em consonância com as normas e diretrizes da GOL – seguindo desde as regras de aplicação das marcas até treinamento dos atendentes com a área comercial.

“As novas representações vão fortalecer a presença da GOL no exterior. Elas fazem parte do nosso trabalho de internacionalizar as marcas, agregando mais valor à Companhia e benefícios aos clientes. Queremos ser a primeira opção para quem viaja pela América do Sul”, acrescenta Gargioni.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade