Justiça adia leilão da Varig, visando obter melhor preço pela companhia aérea

178

O leilão de venda da Varig, que ocorreria na próxima segunda-feira (5), foi adiado para o dia 8 de junho, por determinação da Justiça do Rio de Janeiro.

A razão para o adiamento das negociações, que atende a um pedido da própria empresa, é a busca de um melhor preço para a venda da companhia aérea, que há alguns anos enfrenta uma grave crise financeira.

De acordo com o diretor da empresa responsável pelo processo de reestruturação da Varig, Marcelo Gomes, os próprios potenciais compradores da empresa pediram a postergação do leilão. Argumentaram que não haveria tempo necessário para alcançar um valor justo para a empresa.

Além disso, Marcelo Gomes lembrou que, se realizada na segunda-feira, a operação aconteceria depois de dois dias com os bancos sem funcionar – em função do final de semana. Isso restringiria o acesso à sala de informações por parte de novos interessados.

Preliminarmente, a operação deveria ocorrer no dia 9 de julho. Porém, foi antecipada após o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) reprovar as propostas de interessados em fazer um empréstimo-ponte para a companhia.

FONTE: Infomoney – Felipe Abi-Acl de Miranda – São Paulo/SP