LAN Airlines divulga resultados do mês de julho

363

Em relação ao mesmo período do ano passado, o tráfego de passageiros evoluiu 10,7% e a capacidade cresceu 12,6%. Como resultado, o fator de ocupação diminuiu 1.4 ponto percentual, atingindo 78,9%. O tráfego internacional de passageiros representou aproximadamente 88% do total.

O movimento nos vôos internacionais (passageiros/km) cresceu 10,4% e a capacidade aumentou 13,3%. Conseqüentemente, o fator de ocupação diminuiu 2.1 pontos percentuais, alcançando 78,7%. A capacidade nas rotas de longa distância cresceu principalmente devido a um aumento nas operações, em especial nas rotas para Estados Unidos, Europa, Pacífico Sul e Caribe. O incremento da capacidade das rotas de curta distância se concentrou no tráfego regional e nas operações do mercado doméstico na Argentina e no Peru.

Já no Chile, o movimento registrou aumento de 12,8% e a capacidade cresceu 7,7 %, o que levou o fator de ocupação a aumentar 3,6 pontos percentuais, chegando aos 80,6%.

“A nova forma de viajar permite que cada vez mais pessoas utilizem o avião como meio de transporte. A LAN continua oferecendo preços mais convenientes com importantes descontos nas tarifas mais econômicas. Isso tem levado a um crescimento recorde do tráfego aéreo no Chile” – afirma Armando Valdivieso, Gerente-Geral de Passageiros LAN.

Também em julho, o tráfego de carga da LAN aumentou 15,9% e a oferta cresceu 21,2%. O fator de ocupação diminuiu em 3.3 pontos percentuais, atingindo 70,9%, devido principalmente à maior oferta das rotas regionais. O crescimento no tráfego de carga é explicado pela força que o mercado de importações continua apresentando, principalmente no Brasil.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP