LAN Argentina e pool de operadoras brasileiras lançam roteiros para Mendoza

146

A província de Mendoza – Capital Mundial do Vinho e famosa também pelos seus picos nevados, entre eles o mais alto das Américas, o Aconcágua, nos Andes – deverá receber um número recorde de brasileiros no próximo ano. Na temporada passada, dos 2 milhões de turistas que visitaram o destino, 200 mil eram provenientes do Brasil. Para estimular esse fluxo, a ministra de Turismo e Cultura de Mendoza, Mariana Júri, o diretor geral da LAN Airlines para o Brasil, Cláudio Tessada e representantes de 14 operadoras lançaram em São Paulo, no ultimo dia 22, uma campanha para promover o destino.

Os seis roteiros que serão comercializados têm a parte aérea com LAN Argentina, que inicia suas operações no Brasil. A partir do próximo dia 5, a companhia passa a oferecer duas freqüências diárias entre São Paulo e Buenos Aires, uma pela manhã, em Airbus-320, com Classe Econômica, e outra no início da noite, no Boeing-767-300, com Business Class e Econômica.

Segundo Tessada, as novas freqüências devem representar um aumento de 50 mil passageiros ao ano. “Em 2005, a holding LAN – formada pelas empresas LAN Airlines, LAN Express, LAN Argentina, LAN Ecuador e LAN Peru – transportou cerca de 8 milhões de passageiros”.

Um dos principais diferenciais na operação da LAN em solo brasileiro é a cobertura doméstica na Argentina. A partir de Buenos Aires, há vôos para Córdoba (quatro diários); Mendoza e Iguazú (dois diários); Bariloche (quatro diários); El Calafate e Ushuaia (três vezes por semana); e Comodoro Rivadavia y Río Gallegos (um semanal). A companhia mantém, ainda, vôos entre a Argentina e o Chile. Para Santiago, partem de Buenos Aires nove vôos semanais; a partir de Córdoba são dez freqüências semanais; de Rosário, um vôo diário; de Mendoza, dois diários e, a partir de Bariloche, dois vôos semanais.

Para a ministra, que há um ano deu início às negociações para formação do pool de operadoras, o crescimento do turismo na província de Mendoza tem sido de 15% ao ano. “Trata-se do segundo destino argentino que recebe o maior número de turistas, ficando atrás apenas de Buenos Aires. O brasileiro certamente gostará de Mendoza e aqueles que já conhecem, têm agora uma ótima oportunidade de visitá-la novamente. Além das belezas naturais e da completa infra-estrutura, Mendoza é detentora de 70% dos vinhedos da Argentina e foi premiada como uma das oito capitais mundiais do vinho”.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade