Larry Dickenson, líder de vendas da Boeing Commercial Airplanes, anuncia aposentadoria

111

O vice-presidente de vendas da Boeing Commercial Airplanes, Larry Dickenson, anunciou hoje pretende aposentar-se de suas funções na Boeing Company, a partir de 31 de dezembro. Raymond (Ray) Conner o substituirá como vice-presidente de vendas, reportando-se ao presidente e CEO da companhia, Scott Carson.

“Por quase 25 anos, Larry Dickenson tem sido um grande líder na organização de vendas da Boeing. O foco de Larry começou e terminou o mesmo: nossos clientes. Ele nos deixará este importante legado”, disse Carson. “Nós o felicitamos pela incrível carreira de 39 anos na Boeing, e lhe agradecemos pela aproximação estratégica que promoveu entre o mercado e nossos produtos, além de nosso posicionamento estratégico”, explica o CEO.

Dickenson, aos 64 anos, liderou o departamento de vendas da empresa desde outubro de 2006. Antes disto, liderou as vendas de aviões comerciais da Ásia e região do Pacífico por mais de 20 anos. Lá, foi o responsável pelas vendas da China, Japão, Coréia, Hong Kong, Cingapura, Austrália, Nova Zelândia e outros mercados na região.

Conner, de 52 anos, está à frente das vendas de aviões comerciais para as Américas desde fevereiro de 2003. Agora, ele estará adiante de todos os esforços de vendas de aviões e serviços às linhas aéreas e operadoras de leasing de todo o mundo. Seu substituto será indicado em breve.

“A ampla visão do Ray, bem como sua experiência são extremamente oportunas para nossa equipe global de vendas”, aponta Carson. “Sua liderança no programas de dois aviões-chave, ajudarão a nos manter focados em superar as expectativas de nossos clientes”, conclui.

Antes de liderar as vendas para as Américas, Conner foi vice-presidente e gerente geral do programa do 777.

Antes disto, ele foi o vice-presidente da Ásia e Região do Pacífico dos aviões comerciais. Enquanto ocupou este cargo, foi o responsável por manter relacionamento e negócios entre a Boeing, as linhas aéreas daquela região e as empresas aeroespaciais da Ásia. Conner ainda foi o responsável pela operação do escritório da Boeing na China, Japão e Coréia.

Além dissp, ele serviu como vice-presidente e gerente geral do programa do 747, gerenciando o desenho, desenvolvimento, certificação e produção deste avião.

Ocupou também a cadeira de vice-presidente da divisão de Sistemas de Propulsão e outras unidades de Energia Auxiliar para toda a família de aviões comerciais da Boeing.

Conner foi também o diretor de Finanças e Sistemas da Informação para a divisão de Materiais de aviões comerciais. Gerenciou outras áreas na companhia, incluindo a Produção Externa e Programas Participantes e a Operação de Negócios Internacionais – ambos da divisão de Materiais.

Antes disto, foi diretor de vendas da Boeing na Tailândia. Conner ingressou na Boeing em 1977, como mecânico do programa 727. Ele é formado pela Universidade Central de Washington e cursou MBA na Universidade de Puget Sound.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade