Londres e Paris são os destinos da Lufthansa na Europa mais procurados em 2006

173

Em 2006, a Lufthansa bateu outro recorde – mais de 53 milhões de passageiros viajaram com a empresa aérea. Os 400 aviões de passageiros da empresa decolaram e pousaram cerca de 640.000 vezes durante o ano. Mas para onde eles voaram mais vezes? Frankfurt e Munique são os líderes absolutos. No ano passado, estes destinos registraram mais de 115.000 vôos cada um – em média, 315 pousos por dia –, seguidos por Dusseldorf com cerca de 38.000, Hamburgo com cerca de 28.000, Berlim com cerca de 21.000 e Stuttgart com cerca de 19.000 pousos em 2006.

Na Europa, os destinos Lufthansa mais procurados foram Londres e Paris, com cerca de 12.000 pousos cada. Fora da Europa, o aeroporto John F. Kennedy em Nova York lidera com 1.300 pousos. Sem contar os aeroportos menores, que não fazem parte do horário de vôos regular com 188 destinos em 78 países, e que também foram visitados pela empresa. Como, por exemplo, os aeroportos de Giebelstadt, Lahr e Zweibrücken, servidos pela Lufthansa durante a Copa do Mundo. Ao todo, a Lufthansa voou 124 vezes para os locais dos jogos, transportando as equipes da Copa em vôos especiais. Em 2006, a Lufthansa também pousou no extremo norte uma vez – no aeroporto de Longyearbyen em Spitzbergen.

Em 2006, a mais longa rota nonstop do grou se estendeu de Frankfurt a Cingapura. Os mais de 10.200 quilômetros são vencidos diariamente por um Boeing 747-400 Lufthansa em menos de 13 horas.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP