Mais conforto aos usuários do Galeão

138

Um exemplo é a reparação de 43 banheiros do TPS-1. Atualmente, 10 sanitários estão em obras com previsão de término dos trabalhos para o final de março. À medida que forem entregues os sanitários em obras, outros começarão a ser reformados. Ao todo, 14 banheiros já foram liberados ao público.

Hoje, esses sanitários servem como modelo para os demais aeroportos da rede Infraero. Os banheiros reformados têm recebidos elogios da comunidade aeroportuária e de passageiros. Plantonistas limpam os sanitários localizados em área de grande circulação de usuários, constantemente, além de renovar o material de limpeza.

Segundo o presidente da Infraero, Cleonilson Nicácio Silva, são notórias as melhorias no Galeão. “Não vamos paralisar por nada os investimentos e o Galeão voltará a ser um dos mais importantes aeroportos do País”, aponta.

Além das obras nos banheiros, outras melhorias fazem o terminal ganhar outra aparência. Cerca de 70% do polimento do piso de granito já foi realizado e a previsão de conclusão dos 30% é para abril deste ano. O teto rebaixado está sendo trocado: 60% da obra estão concluídos e os outros 40% devem estar prontos até junho.

O piso emborrachado preto já foi quase todo retirado, os últimos 20% devem ser trocados até abril. Cerca de 40% das paredes de fórmica já foram tratadas, o resto deve ficar pronto também no próximo mês.

Essas obras emergenciais preparam o Terminal de Passageiros 1 para uma reforma completa. O projeto básico, já contratado, está orçado em R$ 4,58 milhões. A previsão inicial de investimento para reforma e revitalização do TPS-1 é de R$ 310 milhões.

Ao todo, estão previstos R$ 678,9 milhões para reformas e melhorias para o Galeão até 2010, assim discriminados: Terminal de Passageiros 1: R$ 268,9 milhões; Terminal de Passageiros 2: R$ 314 milhões; Sistema de Pistas e Pátios: R$ 70 milhões; Terminal de Cargas: R$ 25 milhões.

Todas as ações têm interface direta com o fluxo operacional do Galeão, para minimizar o impacto operacional junto aos passageiros, às empresas aéreas e aos concessionários. As obras ocorrem 24h por dia, 365 dias do ano. Mesmo no período de alta temporada (Natal e Ano Novo), férias e Carnaval, a Infraero continuou com as obras.

As obras de revitalização do Aeroporto do Galeão são feitas para proporcionar aos clientes, passageiros e usuários, conforto, modernidade e melhor fluxo operacional.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade