Novo Bombardier CRJ900 começa a operar na Lufthansa CityLine

159

A Lufthansa CityLine, parceira da Lufthansa Regional, acaba de introduzir um novo modelo de avião – o Canadair Regional Jet (CRJ) de 84 assentos, fabricado pela canadense Bombardier. O primeiro Bombardier a integrar a frota foi batizado com o nome de “Pfaffenhofen”, em cerimônia realizada no aeroporto de Munique na semana passada.

A cabine do jato regional CRJ900 é maior que a de seu antecessor da série CRJ200, proporcionando maior espaço e conforto aos passageiros. Os modernos assentos deixam mais espaço para as pernas e oferecem maior conforto durante todo o vôo. Há, também, espaço adicional para a bagagem de mão. O interior da nova aeronave já segue o novo design de cabine da frota européia da Lufthansa.

“O novo modelo de avião representa um grande salto econômico e tecnológico para a Lufthansa CityLine, portanto muito bem preparada para o futuro e para enfrentar a concorrência”, disse Thomas Dräger, diretor geral da Lufthansa CityLine GmbH. Os produtos ainda melhores oferecidos pelo novo jato atendem, em primeiro lugar, aos desejos dos passageiros. “Além disso, as turbinas são especialmente silenciosas e econômicas, melhorando não só os valores ambientais como a eficiência e economia das nossas operações de vôo”, enfatizou Dräger. O CRJ900 atende aos mais altos padrões econômicos e ambientais da Lufthansa, e seus níveis de poluição ambiental e sonora são bem inferiores aos limites internacionais permitidos. As despesas com combustível também foram reduzidas consideravelmente. “Em condições propícias, é possível gastar apenas 3,5 litros por passageiro em um trecho de 100 quilômetros”, acrescentou, ainda, Dräger.

Esta proporção positiva normalmente só é alcançada em aviões de grande porte em vôos de longa distância.

Até o final do ano, a Lufthansa CityLine introduzirá um total de doze jatos CRJ900, substituindo sucessivamente os modelos mais antigos de 50 assentos, os CRJ200. Os primeiros destinos a serem servidos regularmente pelo novo membro da frota Lufthansa Regional serão os aeroportos de Munique, Bruxelas, Lyon, Münster/Osnabrück, Nice, Oslo e Genebra.

O Bombardier CRJ900 tem 36,4 metros de comprimento e 24,9 metros de envergadura. Sua velocidade máxima é de 820km/h e a altitude máxima de percurso 12.500 metros. O peso máximo de decolagem é de 38 toneladas e ele tem autonomia de 2.100 quilômetros.

A Lufthansa CityLine é a maior empresa aérea do grupo Lufthansa depois da Lufthansa Passage Airline. A empresa é 100% afiliada à Deutsche Lufthansa AG e uma das empresas aéreas associadas à Lufthansa Regional, à qual também pertencem a Air Dolomiti, a Augsburg Airways, a Contact Air e a Eurowings. Além de vôos diretos entre os aeroportos regionais, a Lufthansa Regional oferece acesso à maior malha aérea do mundo por meio de seus centros de distribuição Frankfurt e Munique – a da Star Alliance.

A Lufthansa CityLine emprega 2.500 funcionários, a maioria sediada em Colônia. Em 2005, a Lufthansa CityLine transportou cerca de 6,5 milhões de passageiros em 80 jatos regionais.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP