Novo vôo Lufthansa vai ligar a Europa à Guiné Equatorial

269

Com o início do próximo horário de vôos, a Lufthansa voará pela primeira vez para Malabo, capital da Guiné Equatorial, a partir de 1.º de abril de 2008. Para tanto, o atual vôo de Frankfurt para Abuja (Nigéria) passará por Malabo. A Lufthansa oferecerá a rota três vezes por semana com Airbus A330-300.

Ao lado de Luanda (Angola), Malabo é o segundo novo destino africano a ser incluído no próximo horário de vôos Lufthansa. Assim como em Angola, a economia da Guiné Equatorial é marcada principalmente pela extração e exportação de petróleo. A maior empresa aérea alemã fortalecerá ainda mais sua malha aérea na África, chegando a 15 destinos em 12 países e 67 vôos semanais.

“É possível chegar ao novo destino com rapidez e conforto, nonstop a partir de Frankfurt, em seis horas e meia de tempo de vôo. A Lufthansa é a única empresa aérea a oferecer assentos First Class para Malabo além das classes econômica e executiva”, disse Karl-Rudolf Rupprecht, diretor de área da diretoria do centro de distribuição Frankfurt da Lufthansa.

O território nacional da Guiné Equatorial está dividido entre o continente africano e diversas ilhas. O país tornou-se independente em 1968 e conta com mais de meio milhão de habitantes, que falam os idiomas oficiais: espanhol e francês. A capital Malabo fica na ilha Bioko, no Golfo da Guiné, e está rodeada por vastas jazidas petrolíferas. A economia do país tem crescido continuamente nos últimos anos e são inúmeras as relações comerciais existentes, principalmente no setor energético.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP