Premier I tem prazo de inspeção geral do motor aumentado

225

O Premier I, que possui motores Williams Rolls Royce FJ 44-2A, é um dos beneficiados com o aumento da extensão dos prazos de inspeção, aprovado pelo FAA. Agora o intervalo entre as inspeções de Seção Quente (HSI) passam de 1.250 horas para 1.750 horas, e o prazo entre inspeções gerais do motor, o TBO (Time Between Overhaul), passou de 2.500 para 3.500 horas.

Além de ser beneficiado com o aumento do TBO, o Premier I tem também controle computadorizado do motor que, através de unidades de controle eletrônico protegem o motor contra superaquecimento e sobrevelocidade. Na decolagem, o piloto deve apenas levar a manete para posição frontal para que os controles eletrônicos ajustem os motores para a potência adequada, de acordo com a elevação da pista e temperatura do ar.

Estas características somadas as constantes melhorias do Premier I, completam a lista de benefícios desta aeronave, que está consolidada no mercado dos jatos entry-level no mundo.

Os motores Williams Rolls Royce FJ 44-2A são consagrados na aviação. Com a filosofia de simplicidade em seu design, estes motores são de alta performance e baixo consumo. Possuem 2.300 libras de empuxo e poucas peças móveis, o que, acarreta um menor desgaste, maior vida útil, menor custo de manutenção e maior disponibilidade da aeronave.

FONTE: Aviação Brasil / Líder – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade