Previsão de resultados da EADS em 2006 pode ser afetada por prováveis perdas da Airbus

182

Enquanto prosseguem os trabalhos para consolidação dos resultados financeiros de 2006, a administração da EADS – European Airspace Defence Systems -, estima que sua divisão Airbus provavelmente contribuirá negativamente para o EBIT* do grupo nesse exercício.

Certos custos relativos a acordos com clientes, reavaliação de bens e o impacto financeiro do plano Power8, efeitos originalmente esperados para ocorrer a partir de 2007 ou mais tarde, poderão ser sentidos já nos números de 2006. Além disso, custos não previstos inicialmente no programa A380 também poderão ser incluídos.

Por outro lado, espera-se que se as contribuições positivas ao EBIT* provenientes de outras divisões da EADS forem concretizadas como esperado elas poderão equilibrar ligeiramente o impacto negativo da Airbus no exercício de 2006.

Todas estas estimativas da administração da EADS estão sujeitas à conclusão do processo de consolidação do balanço financeiro de 2006 pelo Comitê de Auditoria e pelo Conselho de Diretores, o que deve ocorrer no dia 8 de março. As estimativas acima não foram validadas pelos auditores.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade