Raytheon Hawker 400 levanta vôo

138

O Hawker 4000, da Raytheon Aircraft, representada no Brasil com exclusividade pela Líder Aviação, maior empresa de aviação executiva da América Latina, acaba de receber da Federal Aviation Administration sua certificação. Projetado para ser líder mundial na categoria dos jatos super médios, ele representa o futuro da aviação executiva. A aeronave oferece uma excepcional combinação de alcance, velocidade, segurança, conforto de cabine e baixo custo operacional. “A performance do Hawker 4000 eleva os patamares da classe de jatos super médios. É um jato de grande porte incorporado em um econômico jato super médio”, diz Brad Hatt, presidente e diretor geral da Hawker.

Com sua fuselagem em material composto, o Hawker 4000 já surpreendeu logo nos vôos de teste. A tecnologia usada consiste na substituição do alumínio na estrutura da aeronave por materiais que são de 25% a 30% mais leves e 70% mais resistentes que o alumínio.

O Hawker 4000 possui o melhor pacote de aviônicos na configuração standard de sua categoria – o Honeywell Primus Epic®, que resulta em maior confiabilidade e precisão durante os vôos e menor fadiga e cansaço para os pilotos. Ele possui alcances intercontinentais, baixos custos operacionais, beleza e performance inigualáveis, além da tradição Hawker.

A confortável cabine, com mais de 1,80 m de altura, proporciona conforto em longas viagens, oferecendo total capacidade de comunicação e transmissão de dados, além do sistema de entretenimento, o que possibilita a utilização da aeronave como escritório “en route”. Seu bagageiro é espaçoso, climatizado, pressurizado, de alta capacidade e acesso interno e externo.

“Com uma excelente presença de rampa, sofisticação na construção de interiores e excepcional performance, o Hawker 4000 dá continuidade à herança deixada por toda a família Hawker”, afirma o presidente da Hawker.

A performance de pista do Hawker 4000 também impressiona. A distância de 4.509 pés (1.374 metros) de comprimento de pista necessária para decolagem (nas condições ISA, nível do mar e com peso máximo de decolagem) é aproximadamente 15% inferior àquela inicialmente garantida no projeto. O Hawker 4000 tem a melhor performance de pista de aeronaves de sua classe.

A razão de subida (climb performance) do jato é também impressionante. A partir do nível do mar até a altitude inicial de cruzeiro, são necessários apenas 13 minutos, podendo chegar até aos 45.000 pés. E, uma vez alcançada a altitude ideal de cruzeiro, o Hawker 4000 pode atingir até a incrível velocidade de Mach 0.84 (890 Km/h).

A Raytheon prevê a entrega dos cinco primeiros jatos ainda este ano. Segundo o diretor de vendas da Líder Aviação, Marcelo Marangon, a Raytheon traz para o mercado o que todo potencial comprador de aeronaves quer: a conjugação de segurança e confiabilidade, com conforto e alta tecnologia, componentes que não podem faltar nesse segmento.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP