Star Alliance anuncia a criação de um bilhete eletrônico mundial

179

As empresas aéreas que formam a aliança mundial Star Alliance decidiram introduzir a emissão de passagens eletrônicas (o e-ticketing), em todo mundo até o final de 2004.
Ao comunicar a decisão em nome da Star Alliance, cujos representantes se reuniram em Tóquio em dezembro de 2003, Wolfgang Mayrhuber, presidente mundial da Deutsche Lufthansa AG, disse que “a introdução de um padrão internacional para um produto simples, eficiente e de fácil utilização, comprova, mais uma vez, que a Star Alliance continua desempenhando o seu papel de precursora da indústria aeronáutica”.
Pesquisas feitas com clientes revelaram que as passagens eletrônicas – os assim chamados e-tickets – estão entre os serviços mais cobiçados prestados por uma empresa aérea, porque reduzem consideravelmente os trâmites a cumprir entre a compra da passagem e o vôo. Com o bilhete eletrônico, a tradicional passagem de papel é abolida – para ser atendido, basta que o passageiro apresente um documento pessoal de identificação (cartão de crédito ou o cartão Frequent Traveller). Os dados completos de viagem estão disponíveis durante todo o trajeto e não há mais problemas com passagens extraviadas.
A criação das condições técnicas para o uso de e-tickets em toda a rede Star Alliance num espaço de tempo tão curto só foi possível graças ao altíssimo nível de integração da infra-estrutura de TI (a assim chamada STARNET). Esta rede singular começou a ser desenvolvida por todas as empresas aéreas que compõem a Star Alliance logo após sua fundação, em 1997.
Conforme Wolfgang Mayrhuber, “a nossa aliança foi fundada com o objetivo específico de criar algo a mais em benefício dos nossos passageiros internacionais. Este novo produto apenas enfatiza o nosso empenho constante em colocar a tecnologia de ponta a serviço dos nossos clientes.”
A Star Alliance foi fundada em 1997 como primeira aliança de cooperação entre empresas aéreas de alcance realmente mundial, cujo intuito é o de oferecer aos seus clientes todas as facilidades necessárias para viajar ao redor do mundo. Atualmente, é formada pelos seguintes membros: Air Canada, Air New Zealand, ANA, Asiana Airlines, grupo Austrian Airlines, bmi, LOT Polish Airlines, Lufthansa, Mexicana Airlines, SAS, Singapore Airlines, Spanair, Thai Airways International, United e Varig Brazilian Airlines. A adesão da US Airways à Star Alliance está prevista para 2004.

FONTE: Lufthansa / Egom – Aviação Brasil – São Paulo/SP