Super Tucano de número 100, fabricado pela Embraer, é entregue a Força Aérea Brasileira

169

“Temos orgulho de entregar esta 100ª aeronave exatamente para a FAB, o primeiro operador do Super Tucano”, disse Orlando José Ferreira Neto, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Defesa. “A capacidade da FAB de definir requisitos desafiadores que refletem as condições reais de operação foi fundamental para desenvolvermos um avião de sucesso. Como resultados, o Super Tucano oferece solução de treinamento tático mais eficiente e com a melhor adequação operacional do mercado, incorporando tecnologias de última geração.”

De um total de 169 unidades comercializadas até o momento, a Embraer tem encomendas das Forças Aéreas do Chile, Equatoriana e Dominicana. Nas Forças Aéreas do Brasil e Colombiana, o Super Tucano opera atualmente com sucesso na vigilância do espaço aéreo e em missões operacionais.

O Super Tucano, nas versões monoposto e biposto, entrou em operação na FAB em dezembro de 2003 para ser empregado tanto no treinamento de pilotos como para executar missões operacionais. Tal flexibilidade torna o Super Tucano a única aeronave em produção no mundo capaz de cumprir missões de treinamento avançado de pilotos, vigilância e contra-insurgência, inclusive à noite, com o auxílio de óculos de visão noturna e sensores eletro-ópticos e infravermelhos, em pistas não preparadas e com uma grande variedade de configurações de cargas externas qualificadas.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP