TAM e EDS assinam acordo na área de TI

121

A TAM Linhas Aéreas e a EDS assinaram hoje uma carta de intenções que prevê a terceirização de parte da área de desenvolvimento e manutenção de sistemas de software da companhia aérea. O projeto será viabilizado por meio da construção, em Araraquara, interior de São Paulo, de uma nova fábrica de software da empresa norte-americana.

Pelo acordo assinado, a TAM investirá mais de R$ 50 milhões nos próximos cinco anos no projeto de terceirização. Com essa operação, o departamento de Tecnologia de Informação da TAM ganhará mais flexibilidade e poderá direcionar a sua estrutura para atender melhor outras necessidades da empresa.

Para atender a companhia aérea, a EDS construirá com seus recursos uma fábrica de software em Araraquara, que absorverá a demanda da TAM, além de outros projetos. Do empreendimento instalado na cidade do interior de São Paulo, a EDS poderá, inclusive, exportar softwares para outras partes do mundo.

O Portal e-TAM será um dos principais projetos beneficiados pelo processo de terceirização. Trata-se de um novo modelo de distribuição de passagens, que agrega uma série de serviços especiais aos agentes de viagens e aos passageiros da companhia. O portal foi desenvolvido pela TAM e começou a operar no Brasil em setembro deste ano. A partir do desenvolvimento de tecnologia inédita, o portal integra todo o processo de venda – do momento da reserva até o check-in do cliente – e oferece exclusiva cadeia de serviços aos clientes e às agências de viagens, tudo pela internet.

O cronograma da assinatura prevê o início de operação da fábrica em fevereiro de 2005. Pelas projeções feitas pela EDS, o empreendimento terá capacidade para empregar cerca de 500 profissionais, aproveitando mão-de-obra qualificada, formada pelo cinturão de faculdades existentes na região.

A EDS foi criada nos Estados Unidos em 1962 e foi a precursora no segmento de terceirização de tecnologia da informação. Ao todo, a empresa emprega hoje no mundo 120 mil funcionários e fatura US$ 21,5 bilhões por ano. No Brasil, a EDS começou a operar em 1985 e hoje emprega 5.800 funcionários, incluindo três fábricas de software no país. A quarta será construída em Araraquara.
A definição da criação da fábrica de software em Araraquara ocorreu com o apoio da Prefeitura de Araraquara, que viabilizou o negócio por meio da criação de incentivos fiscais e de adequações da grade curricular de universidades da região para as necessidades do mercado global de serviços de software. Dentre outros benefícios, a nova fábrica trará geração de empregos qualificados e aquecimento da economia na região de Araraquara.

FONTE: Aviação Brasil / TAM – Assessoria de imprensa – São Paulo/SP