TAM obtém o maior lucro de sua história

225

A TAM apresenta hoje suas demonstrações financeiras de 2004 com lucro de R$ 341 milhões, crescimento de 96,3% comparado ao ano anterior e o maior resultado já obtido pela companhia. O EBIT, resultado da operação, atingiu R$ 294,7 milhões e margem de 6,5% sobre a receita líquida – em 2003 esse número foi negativo: R$ 32,6 milhões. O EBITDAR, métrica utilizada pela indústria de aviação e que reflete a geração de caixa da empresa antes das despesas financeiras, impostos, depreciação, amortização e aluguéis, cresceu 34,2% em relação a 2003, acumulando R$ 1 bilhão e atingindo a margem de 23% sobre a receita líquida.

O desempenho positivo reflete a gestão corporativa eficiente baseada na administração severa dos custos e em agilidade na tomada de decisões, com o objetivo de perseguir a visão da companhia: “ser a maior, mais competitiva, rentável e sólida empresa aérea da América Latina”. Em 2004, a TAM manteve a liderança do mercado doméstico de aviação com média de 35,8% de market share e expressivos 41,2% no mês de dezembro. Foram transportados 13,5 milhões de passageiros, número 20,8% superior ao registrado em 2003, e o aproveitamento das aeronaves (load factor) foi 5,4 pontos percentuais maior, de 60,6% para 66%.

A TAM também apresentou durante o ano de 2004 o maior índice de eficiência operacional no mercado doméstico. A média de 87,42%, dentro dos melhores padrões mundiais, corresponde à ação combinada de regularidade e pontualidade, ou seja, vôo realizado e dentro do horário previsto. A evolução desses números demonstra a preocupação da companhia com os níveis de excelência da operação.

A receita bruta atingiu R$ 4,7 bilhões, crescimento de 25,9% ante o ano anterior. Somente a receita obtida com os vôos internacionais aumentou 33,7% e fechou 2004 representando 21,5% da receita total da companhia. A operação internacional seletiva impulsionou a rentabilidade desse segmento. Em 2004, a TAM aumentou as freqüências para Miami, de sete vôos semanais para 14, passou a operar dez freqüências semanais para Paris e iniciou vôo diário para Santiago do Chile. Nesse mercado, a empresa manterá a estratégia de integração com a América do Sul por meio dos vôos já implementados, novos destinos no Continente e o reforço da malha integrada com a TAM Mercosur, empresa integrada ao grupo que atende, a partir de Assunción, Ciudade Del Leste, Punta Del Leste, Montevideo, Santa Cruz de La Sierra, Cochabamba, São Paulo, Curitiba, Foz do Iguaçu, Santiago e Buenos Aires.

No segmento doméstico, acordos operacionais fechados com companhias regionais possibilitaram a inclusão de 25 novos destinos nas rotas operadas pela TAM, atingindo total de 66 localidades no território nacional.

Mesmo com o aumento dos custos operacionais em 16,6% no exercício de 2004, a TAM obteve ganhos de produtividade tanto no âmbito operacional como no administrativo e financeiro. O caixa gerado pelas atividades operacionais atingiu R$ 368 milhões, encerrando 2004 com R$ 297 milhões de caixa e equivalentes e R$ 237 milhões de recebíveis líquidos. Ferramenta fundamental no processo de aumentar a produtividade, o e-TAM – portal que utiliza tecnologia de ponta via internet para integrar toda a cadeia de venda – possibilitou redução dos custos de comercialização. A implementação desse sistema evoluiu a partir do segundo semestre de 2004 e hoje 60% das reservas da TAM já são feitas no ambiente do portal.

Com R$ 679 milhões pagos em impostos (36,7% superior a 2003) e R$ 481 milhões destinados a pessoal (33,4% a mais do que no ano anterior), a TAM encerra 2004 cumprindo rigorosamente em dia suas obrigações com colaboradores, entidades do poder público, sociedades, fornecedores e comunidades servidas pelos vôos da companhia, mantendo-se adimplente com todos os seus compromissos. As demonstrações financeiras são apresentadas hoje ao mercado de acordo com as melhores práticas contábeis adotadas no país e o parecer dos auditores independentes (KPMG), sem ressalvas.

A TAM apresenta também este ano, pela primeira vez, seu Balanço Social, consolidando em números o que vem sendo feito ao longo dos anos. As ações refletem o firme comprometimento da companhia com o desenvolvimento das comunidades no território nacional e ainda os projetos sociais que envolvem diretamente seus colaboradores.

FONTE: Aviação Brasil / TAM – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade