TAM transporta 78 toneladas de doações de todo o país para Santa Catarina

123

Além do transporte das doações, a TAM participa da ajuda aos flagelados de Santa Catarina com o transporte gratuito de equipes de médicos e enfermeiros do Grupo de Resgate e Atendimento às Urgências (Grau) da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, especializado em resgate e atendimento pré-hospitalar. Cada equipe é integrada por dois médicos e dois enfermeiros que se revezam para apoiar as equipes de resgate prestando assistência médica às vítimas do município catarinense de Luiz Alves. Desde sábado, a TAM transportou duas equipes até Navegantes, de onde seguem para Luiz Alves a bordo de helicópteros da FAB. A terceira equipe viajará amanhã, quarta-feira, num total de 12 pessoas.

No total de 78 toneladas transportadas pela TAM Cargo para as vítimas das enchentes de Santa Catarina estão incluídas as doações arrecadadas na campanha realizada pela TAM entre seus funcionários de todo o Brasil. “A participação da TAM nesta verdadeira corrente de solidariedade aos cidadãos de Santa Catarina é o resultado do compromisso de responsabilidade social que assumimos e em linha com o nosso Espírito de Servir”, afirma o vice-presidente de Gestão de Pessoas e Conhecimento, Guilherme Cavalieri.

Hoje, a primeira-dama do Estado de São Paulo e presidente do Fundo de Solidariedade, Mônica Serra, e o presidente da TAM, comandante David Barioni Neto, acompanharam o embarque, no terminal da TAM Cargo de Congonhas, em São Paulo, de 1,5 tonelada em doações da instituição, incluindo colchões, cobertores, lençóis, toalhas, roupas, sapatos, produtos de higiene pessoal e materiais de limpeza. Essa carga seguiu em vôo da TAM com destino a Navegantes, onde está montada uma base da Defesa Civil de Santa Catarina para socorrer os flagelados.

A maior parte das doações foi transportada para a cidade catarinense de Navegantes, para onde a TAM mantém três vôos diários. Outra parcela está sendo levada para Florianópolis. Uma das doações feitas por uma empresa de São Paulo entregue ao Corpo de Bombeiros da capital catarinense era composta por equipamentos que estão sendo utilizados pelas equipes de resgate: quatro moto-serras, duas britadeiras, duas serras com lâminas giratórias para corte de pedras e um gerador de energia.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP