TAM treina pilotos de companhias estrangeiras

193

Pela terceira vez em menos de um ano, a TAM Linhas Aéreas está fornecendo treinamento especializado para companhias aéreas estrangeiras. A empresa acaba de treinar pilotos da Universal Airlines, da Colômbia, em sua Academia de Serviços, em São Paulo. Uma segunda etapa do treinamento está sendo ministrada em Dalas (EUA), também por instrutores da TAM. Os profissionais vão pilotar jatos Fokker-100 que já pertenceram à TAM e foram adquiridos recentemente pela empresa colombiana.

Além dos pilotos e co-pilotos, a TAM está oferecendo treinamento também para comissários, despachantes de vôo e mecânicos. O trabalho foi acompanhado por dois inspetores de qualidade da agência de aviação civil colombiana (equivalente ao DAC no Brasil). Dois instrutores colombianos foram preparados para executar o treinamento de comissários em seu país de origem.

Oferecer treinamento a outras empresas foi uma das alternativas encontradas pela Academia da TAM para diversificar seus serviços e gerar novas fontes de receita, aproveitando o know-how acumulado nos 28 anos de existência da companhia.

Em março deste ano, a TAM já havia treinado em Fokker-100 dois instrutores da empresa canadense Airborne Training Center. Com a transferência de know-how, esses instrutores tornaram-se aptos a ministrar treinamento especializado para pilotos de F-100 no Canadá.

O treinamento é dividido em duas partes. Na primeira, chamada de Ground School, a tripulação técnica conhece profundamente todos os sistemas e detalhes operacionais do F-100 por meio de aulas teóricas e computadores. Já a segunda etapa, o conhecimento é aperfeiçoado em simuladores de vôo, nos Estados Unidos.

No ano passado, a TAM forneceu todo o treinamento necessário para o início das operações de uma nova companhia aérea na América Latina, a uruguaia Uair, que começou a voar em dezembro com dois Fokker-100 adquiridos por leasing junto à TAM Linhas Aéreas. O contrato com a Uair inclui manutenção das aeronaves no Centro Tecnológico da TAM, em São Carlos, onde foi feita a pintura dos aviões com as cores da companhia uruguaia.

FONTE: Aviação Brasil / TAM – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade