Trip Linhas Aéreas amplia malha em Salvador

145

No dia 25 de abril, inicia a ligação para Lençóis, na Chapada Diamantina. Com nova rota, a TRIP passa a ligar a capital baiana com voos diretos a seis destinos.

Para Petrolina, os voos estarão disponíveis diariamente, de Segunda a Sexta-feira. Já para Lençóis terá uma freqüência semanal, aos Sábados. Além disso, a TRIP aumenta a freqüência da capital baiana para Vitória da Conquista, também a partir do dia 16 de março, passando a operar de segunda a domingo. Para estas operações, a empresa disponibiliza a aeronave ATR 72-500, com capacidade para 68 pessoas.

O Estado da Bahia é uma das regiões foco do plano de expansão da TRIP e, por isso, já estuda outras linhas locais para melhor atender aos passageiros baianos. Segundo o diretor de marketing e vendas da companhia, Evaristo Mascarenhas de Paula, a Bahia tem um território com grande potencial para o desenvolvimento da aviação regional, que prima pelas ligações de média e baixa densidade de tráfego. “Como exemplo podemos citar os voos que estamos iniciando para Petrolina, destino procurado com frequência em razão do agronegócio e da enologia, bem como Lençóis que tem alto potencial para um maior desenvolvimento turístico, antes inviável pela ausência de voos regulares”, completa o executivo.

A TRIP iniciou as operações em Salvador em julho de 2008, ligando a capital baiana a Vitória da Conquista. Em outubro do mesmo ano, ampliou a malha regional ligando Salvador a Natal (RN) e Fernando de Noronha, com saída inicial de Vitória (ES).

A Aeronave utilizada na operação no Estado – ATR 72-500 – é um equipamento de concepção moderna e segura, turbo-hélice de última geração, fabricado pelas empresas Aeroespatiale (França) e a Alenia (Itália), que fazem parte do consórcio Airbus. Com baixo nível de ruído e emissão de gases, a aeronave segue os mais modernos padrões ambientais. É equipada ainda com a nova “Elegance Cabin”, com amplo espaço interno e com inovações tecnológicas em comunicações e ferramentas de navegação. Suas características fazem desse avião o equipamento turbo-propulsor mais moderno da atualidade, utilizados por mais de 60 empresas aéreas em todo o mundo.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade