United altera normas para passagens de clientes afetados pelas medidas de segurança inglesa

117

A United Airlines anunciou que a partir de hoje (10/08), até o próximo dia 1º, algumas mudanças serão feitas em suas normas sobre passagens para quem pretende sair ou entrar em Londres, em virtude das medidas de segurança aplicadas pelo governo britânico.

As novas mudanças estão sendo aplicadas aos clientes com passagens adquiridas antes do dia 10 de agosto, entre o Reino Unido e aeroportos dos Estados Unidos, em vôos da companhia ou operados em code-share com a United.

Para quem se encontra em trânsito e quer fazer mudança em sua viagem de volta, a empresa abre mão das normas e restrições relativas às taxas usuais cobradas por trocas, compras antecipadas, restrições de dias e horários, blackouts e exigências de permanência máxima ou mínima. Para isso, as cidades de origem e de destino devem permanecer as mesmas.

Já os clientes que não iniciaram suas viagens poderão fazer mudanças sem a cobrança das taxas de trocas ou exigências de compra antecipada, se o itinerário não for alterado. Caso o cliente queira mudar o itinerário, poderá efetuar uma alteração sem a cobrança das taxas de troca. Entretanto, o uso de horários diferentes pode levar à cobrança de tarifas mais altas se o novo destino não atender às normas e restrições da compra original. As alterações devem ser efetuadas antes da meia-noite do dia da viagem inicial.

FONTE: Mercado & Eventos – Redação – São Paulo/SP

Publicidade