VEM entrega o primeiro Gulfstream G-100 após check C

168

Homologada pelos principais órgãos aeronáuticos do mundo, como EASA, FAA e DAC, entre tantos outros, a VEM-Varig Engenharia e Manutenção, acaba de concluir sua primeira revisão geral em uma aeronave Gulfstream – G100. O cliente brasileiro demonstrou estar muito satisfeito ao receber seu avião no Centro de Manutenção da Aviação Corporativa da VEM, localizado no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, no mês de janeiro.

A equipe da VEM, treinada e certificada para trabalhar em aeronaves Gulfstream, realizou seu trabalho com excelência e dedicação e cumpriu o TAT (tempo total para a revisão) previsto contratualmente, entregando a aeronave em 11 dias, após serviços que incluíram revisão da aeronave e a incorporação de Boletins de Serviço.

Vários fatores somaram positivamente para a conquista de mais esse cliente. O fato da empresa ser o único Centro Autorizado pelo fabricante para aeronaves Gulfstream, no Brasil, pesou bastante, mas o custo competitivo e o alto nível de relacionamento que a empresa mantém com todos os seus clientes, também foram decisivos.

Com expertise e reconhecimento internacional na manutenção das frotas Boeing, Airbus, Fokker e Embraer, a VEM agora começa a buscar um bom posicionamento no segmento de manutenção da aviação corporativa. Criou, inclusive, um produto específico para atender a demanda diferenciada desse nicho: o “TLS-Total Logistic Support”. Em parceria com a SATA, esse produto inclui, além dos serviços de engenharia e manutenção, todo o apoio em terra em mais de 30 aeroportos brasileiros e um Help Desk 24h/dia. A empresa ingressou há pouco mais de 2 anos nesse segmento e já estabeleceu fortes parcerias: com a Gulfstream, para a América do Sul e com a própria Embraer para a aeronave Legacy.

O mercado de aeronaves executivas está em ampla expansão, não só no Brasil, mas em toda a América Latina. Para a VEM esta informação é de altíssima relevância, já que suas certificações incluem a prestação de serviços nos países da América do Sul, além da facilidade que a VEM possui de chegar rapidamente às diversas de suas bases, nesses países. As perspectivas da VEM para esse novo segmento também são boas. Além da capacidade instalada para efetuar checks de Legacy, G100 e G200, a empresa está trabalhando na homologação para os modelos G300, G400, G-IV, G500 e G550. Novos negócios também estão sendo avaliados.

FONTE: Aviação Brasil / VEM – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP