Varig poderá criar nova empresa

255

Na carona do sucesso da Gol, que ingressou há cerca de três anos no país com passagens mais baratas e quase nenhum serviço de bordo no mercado da aviação comercial do país, a Varig estuda a possibilidade de criar uma empresa-filhote para também atuar no segmento.

Analistas do setor garantem que a empresa já teria até um nome: VarigPop. O vice-presidente Operacional da companhia, Alberto Fajerman, diz que o assunto está em análise. O primeiro passo para a criação de uma low cost (empresa de baixo custo) é a entrada em vigor, a partir do dia 15, dos vôos noturnos da companhia.

– Estamos analisando a criação de uma marca que pode ser uma empresa dentro da Varig ou uma nova – afirma.

A TAM também terá vôos noturnos a partir do dia 15, mas a empresa não manifestou interesse por uma empresa com este perfil.

Um executivo do setor garante que, com a retração econômica, o segmento low cost é o que mais cresce no setor aéreo:

– A vantagem em relação às empresas tradicionais é a redução de custos em várias etapas da administração do negócio.

FONTE: Varig – Fernando Valduga – Porto Alegre/RS

Publicidade