Varig traz dois novos Boeing 757 para sua frota

128

A VARIG vai ampliar o número de suas aeronaves, incorporando – até, no máximo, o começo de abril – dois B-757 encomendados à empresa de leasing norte-americana Pegasus Aviation.

Além de ampliar o número de aeronaves em operação, a VARIG também garantiu a integridade de sua frota atual, assinando hoje, 16/02/2006, com a australiana AWAS-Ansett, a extensão dos leasings de nove aeronaves B-737. Outros seis aviões da mesma família – pertencentes à empresa Bavaria da Alemanha – também tiveram seus leasings renovados.

Depois do fechamento das negociações, o presidente Marcelo William Bottini comentou que estas ações confirmam a confiança que os parceiros da companhia depositam no Plano de Recuperação da VARIG.

As duas aeronaves B-757 devem estar integradas à frota já nos primeiros dias do segundo trimestre de 2006, operando nas rotas da VARIG na América do Sul. Aos passageiros serão oferecidos 170 lugares divididos nas classes Executiva e Econômica em vôos que ligam o Brasil a 10 cidades do continente.

Com isso, a VARIG totaliza seis B-757 em sua frota, todos equipados com turbinas Rolls Royce.

A AWAS-Ansett, um dos principais parceiros da VARIG, estendeu os acordos de leasing de nove – de um total de 12 – de seus B-737 que integram a frota da VARIG, os quais se encerravam esse ano. Os outros três aviões da Ansett serão devolvidos ao longo de 2006, atendendo os interesses comerciais das duas empresas, já que deverão passar, brevemente, por processos de revisão geral.

Também a alemã Bavaria acaba de estender os contratos de leasing das seis aeronaves B-737 utilizadas pela VARIG.

O presidente da VARIG, Marcelo Willian Bottini, afirmou que a assinatura dos contratos de extensão e a incorporação das duas novas aeronaves à frota da companhia representam um grande passo no caminho de recuperação da empresa. “Em primeiro lugar, garantem a integridade da frota, ampliam as perspectivas de remodelagem da nossa malha e oferecem mais opções e conforto aos clientes da VARIG.”

“Além disso, e também muito importante – prosseguiu – a conclusão dessas negociações reafirma que os lessors, um dos mais importantes grupos de credores da empresa, manifestam sua confiança no projeto de reestruturação que vem sendo implantado na VARIG”.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP