Varig vai voar para China e África do Sul

311

O fim do casamento com a TAM deu fôlego para a Varig se preparar para operar novos vôos internacionais. Estão sendo analisados pela companhia aérea a recolocação dos vôos para a China e para a África do Sul.

A empresa não se pronunciou oficialmente sobre a expansão de sua malha aérea. As novas rotas estão em linha com a política de exportações do Brasil, que pretende ampliar suas relações comerciais com os dois países.

No caso da África do Sul, o projeto da Varig é passar a voar com aviões próprios para Johannesburgo. A companhia já voa hoje para lá, só que pelo sistema de code-share (compartilhamento) com a South African Airways.

O projeto de ampliação das rotas internacionais da Varig já conta com o reforço de cinco novos aviões –dois Boeing 777 e os três MD11–, que foram encomendados para reforçar esses vôos.

A Varig já tem em sua frota de 90 aviões outros dois Boeing 777 e mais 11 aeronaves MD11.

FONTE: FABIANA FUTEMA, Folha Online – Fernando Valduga – Porto Alegre/RS

Publicidade