Volo entrega documentação para compra da VarigLog

125

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) recebeu hoje documentos e ofícios da empresa Volo do Brasil sobre a aquisição da VarigLog, subsidiária da Varig na área de transporte de cargas. Segundo a assessoria da agência, ainda estão sendo analisados todos os papéis e somente hoje será confirmado se os documentos atendem às exigências da agência reguladora para homologar o negócio. A Volo entregou os papéis no último dia do prazo que lhe havia sido dado pela Anac.

A assessoria de imprensa da VarigLog informou “que todos os documentos solicitados foram entregues”. A Volo do Brasil pagou US$ 46 milhões pela subsidiária da companhia aérea com recursos próprios em janeiro deste ano. A outra subsidiária da Varig vendida foi a Varig Engenharia e Manutenção (VEM) para a AeroLB, empresa criada no Brasil pela empresa aérea portuguesa TAP.

No dia 20 de abril, o presidente da Anac, Milton Zuanazzi, deu prazo de 10 dias úteis para que toda a documentação fosse apresentada, já que o negócio não foi reconhecido pela agência reguladora do setor aéreo por causa da falta dos documentos. O prazo se encerrava às 18 horas de hoje.

A venda da VarigLog para a Volo foi anunciada em janeiro deste ano. O negócio, no entanto, é questionado pelo Sindicato Nacional de Empresas Aéreas (Snea), que apresentou à Anac uma denúncia de que o fundo de investimentos Matlin Patterson, dos Estados Unidos, teria uma participação superior a 20% na Volo. A Constituição brasileira limita em até 20% a participação de estrangeiros no comando de empresas aéreas. Além do fundo dos EUA, a Volo tem como sócios empresários brasileiros.

FONTE: Agência Estado – Redação – São Paulo/SP

Publicidade